Sondado no Brasil, Paulinho tem salário astronômico na China; veja os valores

Chance de Paulinho deixar a China agita o mercado da bola; alto salário impede retorno ao Brasil

Eder Bahúte
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Gety Images

Após seis temporadas defendendo as cores do Guangzhou Evergrande, o volante Paulinho pode estar de saída da China. Segundo informações do portal turco Fanatik, o jogador estaria perto de acertar sua ida para o Galatasaray, equipe da Turquia.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Logo que noticiado a possibilidade deixar o futebol chinês, Paulinho passou a ser especulado em alguns times no Brasil. O Corinthians, segundo o jornalista Jorge Nicola, por exemplo, chegou a fazer uma discreta sondagem na situação do jogador, mas os custos mensais do atleta inviabilizam qualquer investida de um clube brasileiro.

Em seu canal no YouTube, Nicola revelou que Paulinho recebe na China cerca de 14 milhões de euros por temporada, algo em torno de R$ 7,5 milhões de reais por mês de salários. Estes números são inviáveis para repatriar o jogador de 32 anos. Nem mesmo clubes tidos como milionários no país, casos de Flamengo, Palmeiras e Atlético fariam tamanho investimento.

Oficialmente, Paulinho não entra em campo desde o final de 2020, por conta de problemas burocráticos. Em abril, o meio-campista realizou alguns treinos no CT do Red Bull Bragantino para manter a forma física. Apesar dos rumores, seu destino será mesmo longe do Brasil.

Esta é a segunda temporada de Paulinho na China, com 75 gols marcados e 29 assistências. Neste período, conquistou por quatro vezes o Campeonato Chinês e uma Liga dos Campeões da Ásia. Em 2017/18. Na Europa, acumulou passagens pelo Tottenham, de 2013 a 2015, e o Barcelona, entre 2017 e 2018.

LEIA MAIS: