Após retornos, Palmeiras toma decisão sobre o elenco e espera por último “reforço”

Palmeiras ainda pode contar com a volta de mais um atacante em breve

Bruno Romão
24 anos, jornalista formado pela Universidade Estadual da Paraíba, amante da escrita, natural de Campina Grande e um completo apaixonado por futebol. Contato: bruno.romao.nascimento@gmail.com

Crédito: Cesar Greco - Palmeiras

Segundo informações do “UOL Esporte“, o Palmeiras não deve realizar contratações para o setor ofensivo nesta temporada. Isso porque Abel Ferreira vai contar com os retornos de Deyverson e Dudu na sequência de jogos de 2021. Apesar de ambos ainda não estarem aptos para entrarem em campo, a diretoria entende que o ataque ficará com peças suficientes para utilização do treinador português.

Além disso, o fator financeiro também pesou na escolha. Como Deyverson e Dudu possuem altos vencimentos, uma nova contratação faria com que a folha salarial do Palmeiras ficasse ainda maior. O atacante que estava emprestado ao Al-Duhail, inclusive, volta com o maior salário do futebol brasileiro: R$ 2.1 milhões por mês.

Podendo variar o seu sistema ofensivo, Abel Ferreira ainda tem chances de receber mais um “reforço”. Como Borja está emprestado ao Junior Barranquilla até o final do mês, o colombiano é esperado no Verdão, caso não seja comprado em definitivo ou negociado com o exterior.

Como vem tendo um ótimo desempenho, o centroavante, que custou R$ 34 milhões ao Palmeiras, pode ser aproveitado pela comissão técnica. No início do ano, seu retorno foi cogitado, mas Abel decidiu não utilizá-lo na Libertadores. Sendo assim, um novo empréstimo foi acertado.

“Eu falei com ele pessoalmente. Gostei muito da nossa conversa… Ele disse: ‘Professor, gostaria de ir, sim, gostaria de jogar a Libertadores’. Quando ele disse que só viria pela Libertadores, eu disse: ‘Não vou fazer isso. Vou acreditar naqueles que me trouxeram aqui’. Mesmo que o Luiz Adriano se machucasse e eu ficasse sem ninguém, mas não gostaria de fazer isso”, declarou à “TNT Sports”.

LEIA MAIS