Alisson faz crítica à forma como o VAR “engana” o juiz e diz que Grêmio deve “se doer, se cobrar” após eliminação

Meia-atacante Alisson concedeu coletiva de imprensa depois da queda do Grêmio para a LDU

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Staff Images/Conmebol

Antes mesmo da coletiva do técnico Luiz Felipe Scolari na noite desta terça-feira, Alisson encarou as perguntas dos jornalistas depois da queda do Grêmio para a LDU nas oitavas da Sul-Americana e fez as suas críticas à arbitragem de José Argote e também à utilização do VAR.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Em sua análise, o lance do pênalti de Fernando Henrique, visto em câmera lenta, como oferece o VAR, dá mesmo a sensação de penalidade. Mas que na hora do jogo, com a velocidade normal do lance, não foi jogada para ser marcada falta.

“É complicado toda vez ter que falar de VAR e arbitragem. Todo mundo vai ver que é pênalti se ele ficar olhando na câmera lenta. O adversário se joga, o Fernando tenta tirar o pé ainda, mas ele se joga em cima. Teria que dar a falta no Cortez, mas não falou que olhou ali dentro. Cobramos muito. Um momento de jogo que estávamos bem e ele inventa esse pênalti. É complicado falar, ainda mais em uma derrota, uma desclassificação. Não acho que foi pênalti. Mas é cabeça boa, vamos trabalhar para dar a volta por cima”, disse um entristecido Alisson.

Alisson fala do “dia seguinte” após eliminação

Frustrado, o meia gremista usou a coletiva de imprensa para avaliar que o Grêmio deve se cobrar internamente para reagir logo na temporada:

“Momento difícil, todo o grupo está sentindo muito. Infelizmente, fizeram um jogo muito agressivo, com vários jogadores na frente. tinham que buscar o resultado. Esperamos um pouco ali atrás para sair no contra-ataque, como fizemos nos últimos jogos. Temos que dar méritos para o time deles, uma equipe muito forte. Fizemos o gol, tomamos um no fim do primeiro tempo e deu um baque. Sentimos muito neste momento. Que a gente possa remoer, ficar triste, doer e se cobrar para buscar nosso objetivo no Brasileirão”.

O próximo jogo do Grêmio é no sábado, 17h, diante do América-MG, na Arena, pelo nacional. Depois, na terça, visita o Vitória pela ida das oitavas da Copa do Brasil.

Veja mais – após o jogo, o volante Fernando Henrique saiu chorando bastante rumo ao vestiário:

LEIA MAIS:

Grêmio anuncia a volta de Felipão, informa tempo de contrato e dirigente se empolga: “Vontade juvenil de trabalhar”

Méndez elogia reforço do Inter, fala de duelo com Diego Souza e diz que fez do último Gre-Nal “uma guerra”

Douglas Costa cita culpa maior dos jogadores por fase do Grêmio e fala de Felipão após derrota para o Palmeiras