Bolzan explica “perda” de Giuliano, admite querer repatriar ex-lateral e diz que Róger Guedes não seria a solução

Presidente Romildo Bolzan Jr falou sobre vários temas do Grêmio em entrevista ao “Papo com o Presidente”

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Montagem com imagens de divulgação/reprodução

Na quarta edição do “Papo com o Presidente”, feito pelas redes sociais do Grêmio, Romildo Bolzan Jr respondeu perguntas de torcedores e tratou abertamente de nomes que surgiram no radar recentemente, como Giuliano, que acabou fechando oficialmente com o Corinthians até 2023.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Bolzan admitiu que o clube fez contato pelo meia, mas deixou claro que outro “estilo” de jogador é tido como prioridade neste momento:

“O Giuliano foi avaliado pelo Grêmio e o Corinthians chegou. Não era o foco do Grêmio. O estilo que precisávamos não passa por ele, apesar de eu gostar dele. Grande atleta e pessoa. Esse elogio é válido. Passou de maneira brilhante conosco”, resumiu.

Wendell na mira

Constantemente, o lateral-esquerdo Wendell, que tem contrato com o Bayer Leverkusen até junho de 2022, deixa claro o seu desejo de voltar ao Grêmio. Em live recente com o jornalista César Fabris, da Rádio Gre-Nal, chegou a dizer que “faria força” para voltar no ano que vem.

Bolzan negou ter algo em andamento com o jogador, mas se mostrou totalmente favorável ao seu retorno:

“Pra mim é novidade o fato dele querer voltar. Eu acho ele um grande lateral. Um grande jogador. Não tem absolutamente nada sobre isso. Mas acho um grande jogador”, disse o presidente.

Para Bolzan, Róger Guedes não seria a solução do Grêmio

Apesar do desejo da torcida, que seguidamente o pede via redes sociais, Róger Guedes não jogará no Grêmio. O atacante também tem conversas com o Corinthians e, para Bolzan, o atacante de 24 anos não seria a solução para o clube e ainda sobrecarregaria o setor ofensivo do elenco:

“Nós podemos ter um outro perfil de jogador que desejamos. Sobrecarregar peças talvez não seja a melhor situação. O Róger Guedes nunca passou por avaliação mais apurada. O Grêmio não via no horizonte uma situação que, com esse jogador, pudesse ser a resolução de problemas”.

Confira a entrevista:

LEIA MAIS:

Grêmio anuncia a volta de Felipão, informa tempo de contrato e dirigente se empolga: “Vontade juvenil de trabalhar”

Méndez elogia reforço do Inter, fala de duelo com Diego Souza e diz que fez do último Gre-Nal “uma guerra”

Douglas Costa cita culpa maior dos jogadores por fase do Grêmio e fala de Felipão após derrota para o Palmeiras