Após testar negativo para o Covid-19 em novo exame, Brenno está liberado para disputar as Olimpíadas

Goleiro do Grêmio tinha sido impedido de embarcar para o Japão, onde serão realizadas as próximas Olimpíadas, após testar positivo para o Covid-19 no último dia 15 de julho

Flavio Souza
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação / Mauro Galvão / CBF

Neste domingo (18), André Jardine teve uma boa notícia em relação ao jogador Brenno. Conforme informado pela assessoria da CBF, o goleiro testou negativo para o Covid-19 em deste realizado na Sérvia. Dessa forma, ele está liberado para se reintegrar ao grupo da seleção brasileira que irá disputar as Olimpíadas de Tóquio. A previsão é de que chegue em Tóquio na próxima terça-feira (20), no período da manhã. Vale citar que no último sábado (17), o jogador do Grêmio realizou uma contraprova que tinha dado negativo. Mas pelo protocolo de entrada no Japão são necessários dois testes negativos.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Dessa forma, Jardine evita mais um desfalque para a seleção. Isso porque por conta de lesões musculares, o treinador foi obrigado a desconvocar o zagueiro Gabriel Magalhães e o volante Douglas Augusto. Em seus lugares foram chamados Ricardo Graça e Malcom.

Mais informações das Olimpíadas de Tóquio

A seleção brasileira de futebol realizou um trabalho funcional no hotel às 11h (horário do Japão). Em seguida, no fim da tarde, Jardine comandou um treino no Mitzuzawa Football Stadium com o elenco que está em solo japonês. Agora fica apenas a espera pela chegada de Brenno para que a delegação fique completa.

A estreia nas Olimpíadas será no dia 22 de julho, contra a seleção da Alemanha, às 8h30 (horário de Brasília).

LEIA MAIS:

Olimpíadas: Quando serão os jogos de futebol da seleção masculina?

Confira as seleções com maiores chances de medalha de ouro no futebol feminino