Cláusula de produtividade e interesse europeu, são os entraves do Paysandu para fechar com Bruno César

Bruno César está livre no mercado após rescindir com o Vasco

Wilson Pimentel
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Rafael Ribeiro/ Vasco

O Paysandu tem conversas avançadas com Bruno César. O Torcedores.com apurou que o meio-campista de 32 anos já tem a proposta bicolor em mãos e basta concordar com os parâmetros apresentados para ser reforço de Vinícius Eutrópio.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Entretanto o negócio, que esteve perto de um desfecho na manhã desta quinta-feira, retrocedeu nas últimas horas. Segundo apurou a reportagem, Bruno César já havia sinalizado positivamente sobre uma transferência para o futebol paraense.

Maurício Ettinger, presidente do Paysandu, está cuidando pessoalmente da negociação com o estafe do atleta que rescindiu seu contrato com o Vasco. A princípio, o dirigente trata o assunto com cautela para não perder a oportunidade que o mercado está oferecendo.

Segundo apurou o Torcedores.com, apesar de ter gostado do projeto bicolor para dar a volta por cima no futebol brasileiro, Bruno César não gostou da proposta salarial apresentada. A cláusula de produtividade não é algo que o camisa 10 gostaria de ter em seu contrato.

No Vasco, só para exemplificar, Bruno César ganhava R$ 100 mil por mês. Além disso, seu acordo previa bonificações por metas atingidas. Com isso, o meia poderia ter rendimento superior a R$ 200 mil se cumprisse as metas pré-estabelecidas.

O Paysandu, por outro lado, sinaliza com um salário mensal de R$ 40 mil e incentivos durante a Série C do Campeonato Brasileiro. Além disso, o clube ofereceu uma cláusula de extensão automática de uma temporada se conseguir o acesso para a segundona.

Bruno César tem sondagens do futebol europeu

Com passagens por Benfica, Sporting, Estoril Praia e Penafiel, Bruno César avalia a possibilidade de um retorno do jogador para o futebol europeu. O Torcedores.com apurou que seu estafe foi sondado por representantes de clubes da primeira divisão de Portugal.

Nos últimos dias, o meia foi procurado por dirigentes do FC Arouca e FC Vizela, clubes que conseguiram o acesso para a elite do futebol português. Contudo, as conversas ainda não foram convertidas em ofertas para o atleta.

Apesar disso, a diretoria do Paysandu está otimista de que irá contratar Bruno César para conduzir o clube à Série B do Campeonato Brasileiro. Vale lembrar que o jogador viveu o melhor momento da carreira quando defendeu o Corinthians entre 2010 e 2011.

LEIA MAIS:

Botafogo descarta Vanderlei Luxemburgo; saiba os pontos de discordância entre clube e treinador 

Quem é quem? Conheça a super comissão técnica que irá auxiliar Renato Gaúcho no Flamengo 

Flamengo precisa vender jogadores para acertar contas; crias da base estão à disposição do mercado