Botafogo descarta Vanderlei Luxemburgo; saiba os pontos de discordância entre clube e treinador

Vanderlei Luxemburgo está sem clube desde que deixou o Vasco em fevereiro deste ano

Wilson Pimentel
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Rafael Ribeiro/ Vasco

O Botafogo descartou a contratação de Vanderlei Luxemburgo para comandar o time na Série B do Campeonato Brasileiro. O Torcedores.com apurou que as partes chegaram a discutir valores. Contudo, os números colocados pelo treinador são altos.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Ainda segundo apurou a reportagem, o presidente Durcesio Mello tentou convencer o técnico a reduzir significativamente seus vencimentos se quisesse trabalhar no clube da Estrela Solitária nesta temporada.

Uma pessoa próxima na negociação revelou ao Torcedores.com que a proposta salarial do Botafogo foi na casa de R$ 200 mil, o que significa a metade do que o treinador pediu para fechar com o clube. Este seria o “teto” salarial que o Alvinegro poderia pagar ao técnico.

O mandatário alvinegro chegou a incluir premiações e bônus para ‘turbinar’ a oferta em caso de acesso ou conquista do título da Série B do Brasileirão. No entanto, o treinador não concordou com os números sugeridos pelo dirigente.

Além disso, a diretoria sinalizou que o treinador poderia indicar apenas duas pessoas para integrar a sua comissão técnica. A princípio, um auxiliar técnico e um preparador físico. O argumento é de que o clube possui profissionais qualificados nas demais funções.

Vanderlei Luxemburgo, por sua, avisou o Botafogo que não abrira mão de sua ‘equipe de confiança’. Entre eles Maurício Cupertino (auxiliar técnico), Alexandre Graselli (auxiliar técnico), Antônio Mello (coordenador da preparação física) e Mauro Britto (preparador físico).

A validade do projeto foi outro entrave na negociação. Vanderlei Luxemburgo queria segurança e um contrato longo para se sentir protegido. A princípio, ele queria um vínculo até dezembro de 2022. Mas o clube ofertou um acordo até o fim do ano. Com isso, as negociações foram encerradas.

Botafogo tentou Dorival Júnior

Após fracassar nas negociações com Vanderlei Luxemburgo, o Botafogo fez uma sondagem a Dorival Júnior nesta quinta-feira. De acordo com a Rádio Tupi, as conversas não avançaram com o treinador por motivos particulares.

A princípio, o diretor executivo Eduardo Freeland busca nomes que se caibam no orçamento do clube. Os nomes de Felipe Surian (técnico do Sampaio Correa) e Maurício Souza (auxiliar do Flamengo) estão entre os cotados.

LEIA MAIS: 

Botafogo lista nomes e busca treinador que seja consenso entre dirigentes; saiba os detalhes!

Luxemburgo no Botafogo: Diretoria tenta reduzir valor do ‘pacote’ para fazer proposta ao treinador 

Botafogo não demitirá Marcelo Chamusca sem definir substituto; perfil gera divergências entre dirigentes 

Pressionado, Marcelo Chamusca pode ser demitido do Botafogo; diretoria não tem plano B