Renato Augusto, em negociação com o Corinthians, não tem mais problemas da lesão que o atrapalharam na carreira

Flamengo também queria o jogador, mas desistiu

Matheus Camargo
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Rafael Ribeiro / CBF

O meia Renato Augusto se tornou o principal alvo do Corinthians no Mercado da Bola e negocia com o clube paulista após deixar o futebol chinês, onde vinha defendendo o Beijing Guoan, e pode assinar a rescisão. Segundo publicação do Globoesporte.com, o jogador tem treinado no clube de Zico, no Rio de Janeiro, e estaria livre de sua lesão no joelho que o atrapalhou durante a carreira.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

O clube que esteve mais próximo de fechar com Renato Augusto nas últimas semanas foi o Flamengo, mas o clube carioca desistiu de contratar o meio-campista. Agora com o caminho aberto e sem a lesão, o Corinthians entrou de vez na disputa como o principal clube a negociar com o jogador, que foi campeão brasileiro pelo clube e eleito o craque do Brasileirão em 2015.

“Aos 33 anos, Renato Augusto não tem limitações clínicas. Em 2018, o jogador sofreu com uma inflamação no joelho esquerdo causada por uma sobrecarga de treinos no início da Copa do Mundo da Rússia”, publicou o repórter Marcelo Braga, no Globoesporte.com.

O Corinthians ainda não trata publicamente das negociações com Renato Augusto, mas o jogador estaria interessado em voltar ao Timão. O meia tem treinado no espaço de Zico ao lado de Dedé, que deixou o Cruzeiro e também está livre no Mercado da Bola.

Renato Augusto
O meia de 33 anos foi revelado pelo Flamengo e passou por todas as categorias de base do clube até se profissionalizar em 2005. Foi campeão da Copa do Brasil pelo Rubro-Negro em 2006 e seguiu no elenco até 2008, quando saiu para o Bayer Leverkusen, da Alemanha. Se destacou na Europa, mas voltou ao Brasil após sofrer com lesões e assinou com o Corinthians em 2013. Se tornou ídolo do Corinthians e foi o craque do Brasileirão de 2015, tendo se sagrado campeão nacional. Saiu em 2016 para o Beijing Guoan, da China, onde está desde então.

Leia mais:
Mercado da Bola: Clube colombiano desistiu de Borja, do Palmeiras, após descobrir que jogador foi oferecido a outros times