Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Falha, reserva e indisciplina: como Hugo Souza foi ‘escanteado’ no Flamengo e ficou fora das Olimpíadas

Hugo Souza tem contrato com o Flamengo até dezembro de 2025

Wilson Pimentel
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Alexandre Vidal/ Flamengo

Uma das maiores revelações dos últimos anos do Flamengo, Hugo Souza vem assistindo do banco de reservas a recuperação do time no Campeonato Brasileiro. O Torcedores.com apurou que essa situação deve se repetir mais vezes na sequência da competição.

Isso porque, aos 22 anos, Hugo Souza que até pouco tempo atrás era considerado o futuro dono da camisa 1 do Flamengo acabou se transformando na última opção do técnico Renato Gaúcho para a meta rubro-negra.

Nesta temporada, só para exemplificar, Hugo Souza foi utilizado durante apenas 405 minutos, divididos em cinco partidas. Nesse ínterim, foram quatro no Campeonato Carioca e uma na Copa Libertadores da América. Todas, inclusive, ainda sob o comando do técnico Rogério Ceni.

De lá para cá, Hugo Souza viu o renascimento de Gabriel Batista no Flamengo. O camisa 22, que no começo do ano era um jogador ‘negociável’, reconquistou espaço no elenco. Afinal, seu concorrente acumulou falhas quando Diego Alves estava entregue ao departamento médico.

Além disso, Hugo Souza ganhou ‘mídia negativa’ após comprar um carro de luxo avaliado em R$ 400 mil, festa em barco durante a folga, evento com aglomeração e fim do noivado com a farmacêutica Nathassia Brito.

Apontado como o sucessor de Diego Alves no Flamengo, Hugo Souza era uma das joias brasileiras mais disputadas por agentes e intermediários no mercado da bola. No entanto, a cria rubro-negra viu esfriar o interesse de Ajax, Boavista, Bordeaux e Udinese.

Publicamente, o discurso de Marcos Braz e Bruno Spindel é de que Hugo Souza está nos planos do Flamengo. E será utilizado no momento certo pelo técnico Renato Gaúcho. Por outro lado, a diretoria teme que o jogador fique desvalorizado após perder espaço no clube.

Indisciplina tirou Hugo Souza das Olimpíadas de Tóquio

Hugo Souza ganhou o rótulo de badboy nos últimos meses por causa dos problemas extracampo. Com isso, seus casos de indisciplina reverberaram e chegaram até a Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Apesar de não ter participado de todo o ciclo olímpico, Hugo Souza era bem avaliado pela comissão técnica da Seleção Brasileira sub-23. Afinal, ele entrou no radar do técnico André Jardine após as boas atuações no último Campeonato Brasileiro.

Segundo apurou o Torcedores.com, o goleiro chegou a figurar em uma pré-lista elaborada pelo treinador visando as Olimpíadas de Tóquio. Porém, o jogador viu seu nome deixar se der cotado após perder a titularidade no Flamengo.

Segundo um dirigente ouvido pela reportagem, Hugo Souza deixou de ganhar uma bonificação pela convocação. No ano passado, ele renovou seu contrato até setembro de 2023. O compromisso tinha como uma das metas a participação do atleta nos Jogos Olímpicos.

Enquanto não reconquista seu espaço, Hugo Souza tem sido aconselhado a focar mais nos treinos e menos na vida pessoal. Porém, alguns membros da comissão técnica entendem que falta motivação ao arqueiro. Dessa forma, Gabriel Batista se consolida como reserva imediato de Diego Alves no Flamengo. 

LEIA MAIS: 

Ex-base de Fluminense, São Paulo e Santos é o novo reforço do Famalicão

Afastado pelo Remo por participar de festa clandestina, Dioguinho será emprestado a clube da Série C

Rafinha Alcântara no Flamengo? O que nós sabemos sobre o interesse do clube no meia do PSG