Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Diniz sinaliza com poupar jogadores do Santos na Copa do Brasil

Após vitória sobre a Chapecoense, Peixe pensa na Juazeirense na Copa do Brasil

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Foto: Ivan Storti/Santos FC

O Santos conseguiu se reabilitar no Campeonato Brasileiro ao vencer fora de casa a Chapecoense por 1 a 0 neste domingo (1/8). Um resultado comemorado por Fernando Diniz, que agora pensa no confronto de volta contra a Juazeirense, pela Copa do Brasil, na quinta-feira (5).

O treinador santista sinalizou que pretende poupar atletas diante dos baianos, já que tem vantagem de 4 a 0 conquista na partida de ida, na Vila Belmiro. Um dos que não deve jogar contra a equipe de Juazeiro é Marinho, que sofre com problema na coxa e não jogou neste domingo por suspensão.

“Estamos avaliando se iremos poupar. Estamos avaliando o Marinho também, se ele encontra o grupo ou não. Ele estava sentindo uma lesão no reto femoral, que deve ser por causa da lesão que ele estava sentindo antes da minha chegada. Vamos ver se vale a pena levá-lo para a viagem e vamos escolher o melhor time desta quinta-feira”, declarou Diniz.

Quanto ao jogo em si, o treinador santista avalia que o Peixe teve um primeiro tempo bastante interessante, apesar de não conseguir muitas chances claras de gol. Mas a avaliação do segundo tempo do comandante do Santos não foi das melhores.

“No primeiro tempo, a gente poderia ter sido um pouco mais contundente. Jogamos um pouco abaixo no segundo tempo, soubemos nos defender, mas poderíamos ter ido melhor. A gente começou a errar passes fáceis, a Chapecoense tinha que buscar o ataque, eles tinham a grama muito alta para a bola ficar mais lenta e prejudicou a nossa saída. Foi muito passe errado no início das jogadas e a gente teve que se defender para segurar esse 1 a 0 que nos dava três pontos muito importantes”, analisou.

LEIA MAIS

Arana, Kaio Jorge, Edenilson, Muniz e mais: 10 jogadores que podem deixar a Série A em agosto