Torcedores – Notícias Esportivas

Com Messi, Neymar e Mbappé em campo, PSG apenas empata na Champions League; veja os gols

PSG estreia na Champions League com um decepcionante 1 a 1 contra o Brugge

Paulo Foles
Jornalista, amante da escrita e apaixonado por esportes. Falo sobre futebol internacional, nacional e esportes americanos, principalmente NFL e NBA. Santista e apreciador do bom futebol. Twitter: @PaulFoles

Crédito: Foto: Divulgação/PSG Brasil

O PSG começou sua trajetória na Champions League 2021/22 com um empate de 1 a 1 contra o Brugge, fora de casa, nesta quarta-feira (15). Neymar, Messi e Mbappé estiveram em campo, mas a equipe francesa não teve boa atuação.

Já aos 15 minutos da primeira etapa, o PSG abriu o placar do jogo. Mbappé fez grande jogada pela esquerda, passou pela marcação e cruzou rasteiro na boca da área para Ander Herrera chegar finalizando no cantinho.

Minutos depois, o Brugge conseguiu balançar as redes. Aos 26′, a equipe belga fez jogada rápida pela esquerda e empatou a partida com Hans Vanaken. 1 a 1 no Grupo A da Champions.

O Brugge foi melhor que o Paris Saint-Germain por grande parte da partida e teve diversas chances de virar o placar. Keylor Navas trabalhou bastante, enquanto o sistema defensivo do PSG concedeu muitos espaços e permitiu chances claras.

Messi e Neymar não estiveram em um bom dia e não conseguiram fazer a diferença como é comum. O PSG liga o sinal de alerta na primeira rodada da Champions League e começa somando um ponto, enquanto o Manchester City, concorrente direto no grupo, venceu o RB Leipzig por 6 a 3.

LEIA TAMBÉM

Champions League 21/22: 10 jovens jogadores para ficar de olho

Champions League 21/22: 5 times para ficar de olho na competição

O que esperar da estreia de Messi, Neymar e Mbappé pelo PSG na Champions League?

Libertadores: Conmebol define arbitragem para duelos da semifinal

Depois de Patrícia Pillar, Neymar recebe criticas de outra artista: “Uma decepção”

Anderson Talisca revela clube do coração onde quer jogar ao voltar para o Brasil: “sonho vestir a camisa”

Dirigente do Grêmio detona STJD e cutuca “poderoso” Flamengo: “Fora de campo é mais forte que a CBF”