Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Tem favoritaço? Veja os palpites da imprensa para Palmeiras x Atlético-MG, pela semifinal da Libertadores

Palmeiras x Atlético-MG se enfrentam nesta terça, no Allianz Parque, no único jogo da semifinal que não contará com presença da torcida no estádio

Danielle Barbosa
Jornalista. Escrevendo para o Torcedores desde 2014.

Crédito: Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Palmeiras x Atlético-MG duelam nesta terça-feira (21), às 21h30 (de Brasília), no Allianz Parque, em jogo válido pela partida de ida da semifinal da Copa Libertadores. A partida coloca frente a frente os atuais líder e vice-líder do Brasileirão, além de ter o time Alviverde como atual campeão da competição sul-americana. Mas será que tem favorito no confronto?

Mercado em CASA

Clique aqui para ter 50% off!

Listamos alguns dos palpites da imprensa para confronto entre Palmeiras x Atlético-MG, e apesar do Galo despontar com um ligeiro favoritismo por ter um elenco melhor e estar jogador mais que o Verdão, grande parte aposta em um confronto muito equilibrado. Vale lembrar que na atual temporada as duas equipes se enfrentaram pelo 1º turno do Brasileiro e o time mineiro, com um a mais, venceu no Mineirão por 2 a 0.

Veja alguns dos palpites da imprensa para Palmeiras x Atlético-MG:

MULLER (TV Gazeta):

“Se o Abel entrar com três zagueiros, ele vai ele var um sacode em casa. O Atlético tem muita qualidade e a dinâmica do Atlético é diferente. É um time que joga objetivamente, são jogadores que se movimentam na direção certa constantemente”, avaliou o ex-jogador, durante o ‘Mesa Redonda’

VITOR BIRNER (ESPN Brasil):

“Eu acho que não tem favorito. O Atlético está jogando melhor, tem um elenco melhor e acho até que tem um pouco mais de chance de classificação, mas pra mim, favorito precisa ter uma diferença maior. A diferença que eu vejo [não é tão grande]. (…) Eu estou esperando um jogo muito mais truncado, do que a gente vê quando essas equipes entram em campo pelo Brasileiro. Acho que o Palmeiras é uma equipe preparado mentalmente para esse tipo de jogo”, disse o comentarista durante o ‘Linha de Passe’.

BRUNO PRADO (JOVEM PAN):

“Eu até acho que o Atlético tem um favoritismo no confronto porque ele está em um momento melhor e tem jogadores mais decisivos. O Palmeiras não tem um atacante como o Hulk ou Diego Costa, por exemplo. Mas eu acho que tem muito jogo. Se o Palmeiras tirar o Atlético, não é uma coisa que ‘nossa, que surpresa’. O Palmeiras pode fazer isso. O Palmeiras pode competir com o Atlético”, opinou durante o ‘Esporte em Discussão’.

ROGER FLORES (GLOBO):

“O Atlético é um dos grandes times da temporada. (…) Eu acho que o Atlético tem mais variação, talento e poder de decisão, mas não dá pra descartar o Palmeiras. O Abel sabe montar suas equipes. Eu vejo o Atletico melhor preparado, mais talentoso e decisivo, mas o Palmeiras tem a camisa, a tradição, um time veloz, um time que define suas jogadas e com uma transição muito grande. É jogo equilibrado. Por mais que tenha um Atlético melhor no momento, é um jogo muito equilibrado”, opinou o ex-jogador em participação no ‘Seleção SporTV’.

RODRIGO BUENO (ESPN Brasil):

“Eu vejo um ligeiro favoritismo do Atlético-MG, primeiro eu vejo o elenco do Galo melhor. Tem mais jogadores com poder de decisão, caras que podem realmente podem decidir um jogo ou uma classificação. (…) No Atlético eu vejo esses caras: Hulk, Diego Costa, Nacho… são caras espetaculares. No Palmeiras tem realmente um cara acima da média, que é o Dudu”, opinou o comentarista da ESPN.

ZINHO (ESPN Brasil):

“O futebol é analisado muito pelo momento, e a gente tem visto o Atlético em um momento muito especial, jogando muito bem, equilibrado, melhor defesa do campeonato, líder e bem em outras competições. Tem aquela vantagem de jogar com a torcida quando for mandante… tudo isso vai para a análise. Eu vejo em outros canais e todo mundo aponta o Atlético favorito para o confronto. Para o jogo desta terça (21), eu não acho favorito porque o jogo é no Allianz Parque. Não vai ter torcida, mas o Palmeiras está mais acostumado a jogar no seu campo. Eu acho um equilíbrio muito grande. São duas potências e duas camisas muito pesas. Tem o momento do jogo, tudo muda. (…) Antes do jogo, o Atlético está jogando um futebol melhor, mas não é por isso que eu coloco o Atlético como grande favorito e o Palmeiras como azarão. A chance do Palmeiras é no primeiro jogo, não pode deixar pra resolver no segundo. Eu tô com o que o Hulk falou, 50% a 50%”, disse o ex-jogador durante a programação da ESPN Brasil.

CELSO UNZELTE (ESPN Brasil):

“Favorito, favorito, eu concordo que não tem. Mas se a gente for apontar um pelo futebol que está jogando, eu iria no Galo numa boa. No confronto acumulado, não especificamente no jogo do Allianz. Mas isso é muito comum, esse negócio de jogar favoritismo para o outro, é muito comum, principalmente em briga de cachorro grande. Tem um elemento a mais. O Abel está queimado, chateado, irritado. Ele acha que o time dele é desmerecido. O time dele, bem ou mal, é o atual campeão da Libertadores. Então ele está ‘cabreiro’ com isso aí. E mais uma vez, acho que ele está ‘míope’ em relação as qualidades do adversário. Ele já fez isso com o Flamengo e está repetindo com o Atlético. Não é só uma questão de dinheiro, como ele colocou, mas é questão da bola que o Atlético está jogando”, avaliou o comentarista durante a programação da ESPN Brasil.

PVC (GLOBO):

“(…) No confronto, há equilíbrio em quase tudo e desequilíbrio apenas no fato de não haver público em São Paulo e, sim, em Belo Horizonte. É o regulamento aceito por todos. Não se discute, porque combinado não sai caro. Isto exige do Palmeiras ganhar no Allianz Parque. Ou seja, construir o jogo. Isto pode dar opção de velocidade ao Galo, muito veloz também quando atrai o rival. O clássico Palmeiras x Atlético promete ser o melhor duelo tático do país neste segundo semestre”, escreveu o comentarista em seu blog no ‘ge’.

MILTON NEVES (UOL ESPORTE):

“Como era de se esperar, o Palmeiras não teve problemas com a frágil Chapecoense. (…) O Verdão não teve grande trabalho em Santa Catarina, venceu com tranquilidade. Mas não dá para dizer que o jogo com a Chape foi um bom teste para o alviverde se preparar para a Libertadores. Aliás, no último jogo que poderia de fato ser considerado um bom teste, que foi diante do Flamengo, na rodada passada, o Verdão negou fogo. Os palmeirenses que curtam e saboreiem a vitória. Encarar o Galo terça-feira será complicadíssimo! Ainda mais se olharmos para o bolão que os mineiros vêm jogando… E especialmente para a bolinha que o Verdão vem apresentando”, escreveu o apresentador em sua coluna no UOL Esporte.

As melhores notícias de esportes, direto para você

 

LEIA MAIS:
Por que Hulk e Diego Costa não foram contratados pelo Palmeiras?
Abel Ferreira admite favoritismo do Atlético-MG na Libertadores: “Já os dão na final”
Libertadores difícil? Abel Ferreira define principal objetivo do Palmeiras na temporada
Conversas com o Corinthians? Veja o que motivou Paulinho a rescindir contrato com o Al-Ahli
Projeção do Palmeiras para 2022: quem deve sair e quem deve ficar para a próxima temporada
Abel Ferreira responde sobre renovação de Felipe Melo e avalia: “O clube tem um projeto muito arriscado”
Marcos lembra competitividade e fala sobre o Palmeiras: “Jogar só pelo clube que amo quase me matou”

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes