Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Veja todas as cidades que já podem receber público em jogos do Brasileirão

Rio de Janeiro, com o Flamengo, abriu a discussão que tem se estendido

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016, radialista na Paiquerê 91,7.

Crédito: Alexandre Vidal e Paula Reis/Flamengo

Desde que o Flamengo iniciou a briga para ter público em seus jogos, tanto no Brasileirão, quanto na Copa do Brasil, vários clubes têm protestado, especialmente pela falta de isonomia nos torneios da CBF. Isso porque nem todas as cidades podem receber público, por conta dos decretos estaduais e municipais contra a pandemia de Covid-19.

Mas quais cidades já liberaram a volta de público e podem receber jogos do Brasileirão? Veja abaixo:

Até o momento, as cidades que liberaram público, em formatos diferentes, foram: Rio de Janeiro (Flamengo e Fluminense), Belo Horizonte (América-MG e Atlético-MG), Porto Alegre (Grêmio e Internacional), Curitiba (Athletico Paranaence), Cuiabá (Cuiabá), Goiânia (Atlético-GO) e Chapecó (Chapecoense).

O principal problema para a volta do público no Brasileirão é São Paulo, que tem cinco representantes. Isso porque várias outras cidades e estados se baseiam nas decisões da principal metrópole do país. Com isso, sem isonomia, os clubes não tem concordado no retorno do público. Apenas o Flamengo tem ido à Justiça para ter torcedores no Maracanã – foi assim contra o Grêmio, pela volta das quartas de final da Copa do Brasil.

Outro estado com representante na Série A, Pernambuco, que abriga o Sport, é mais um que não tem vislumbre da volta de público. O governador local, Paulo Câmara (PSB), renovou nos últimos dias o Estado de Calamidade Público para os próximos três meses por conta da pandemia. Segundo o UOL Esporte, Câmara e João Dória, governador de São Paulo, tem posicionamentos parecidos quanto ao assunto. São Paulo pretende definir a volta do público ao estádio apenas em novembro.

Leia também:

Siga o autor

Instagram

As melhores notícias de esportes, direto para você