Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

VP do Flamengo diz que CBF “não tem competência” para definir público nos estádios

Flamengo quer retorno do público nos estádios

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016, radialista na Paiquerê 91,7.

Crédito: Alexandre Vidal - Marcelo Cortes - Divulgação - Flamengo

O problema da volta do público aos estádios, o que será autorizado no Rio de Janeiro, deve gerar problema no Brasileirão. Isso porque o Flamengo conseguiu a liberação e já marcou jogos com torcedores, mas a CBF e os outros 19 clubes não querem aceitar, já que não haveria isonomia.

Em entrevista ao Sportscenter, o vice-presidente de futebol do Flamengo, Rodrigo Dunshee, criticou a CBF e disse não compete à entidade decidir se pode ou não haver públicos nos estádios do Brasil.

“A CBF não tem competência para dizer se tem público ou não nos estádios. Isso é um assunto extracampo. É um assunto sanitário”, disse em entrevista.

O Flamengo deve enfrentar o Grêmio pela Copa do Brasil e pelo Brasileirão com público no Maracanã. O clube gaúcho, porém, se posicionou e não quer entrar em campo se for desta forma.

O mesmo Rodrigo Dunshee já havia explicado o protocolo que o Flamengo pretende seguir para a volta do público em seu Twitter.

“Jogo c público no Maraca. Todos vacinados ao menos 1 vez e c teste rápido, criando-se um ambiente limpo. Sei q tem praia lotada, metrô e etc (sem exame), mas sou grato ao prefeito pela liberação, pq o futebol é o mais visado. Mas vamos evoluir. Jogar assim é mt caro p a nação.”

Leia também:

Torcida se empolga com golaço de Roger Guedes em estreia, mas Corinthians empate com Juventude; veja memes

Muricy critica fala de Daniel Alves e aponta grande erro do São Paulo

Corinthians perde titular suspenso para duelo contra o Atlético-GO

Técnico demitido e mais: Tudo o que rolou na 19ª rodada do Brasileirão

Siga o autor

Instagram

Twitter

As melhores notícias de esportes, direto para você