Torcedores – Notícias Esportivas

Dirigente abre o jogo, faz forte revelação e diz que Ganso derrubou técnico do Fluminense

Celso Barros, que já foi patrocinador do clube, fez forte revelação

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016. Radialista na Paiquerê 91,7.

Crédito: Divulgação/Fluminense

Vice-presidente afastado do Fluminense e ex-patrocinador com a Unimed, Celso Barros fez forte revelação sobre Paulo Henrique Ganso em entrevista ao ‘Charla Podcast’.

O ex-dirigente do clube, que está afastado após problemas com o presidente Mário Bittencourt, revelou que Ganso trabalhou para a queda de Oswaldo de Oliveira.

Vale lembrar que o caso mais emblemático da relação de ambos foi em um duelo com o Santos, no Maracanã, pelo Brasileirão de 2019, quando Ganso chamou Oswaldo de Oliveira de palhaço após ser substituído.

Veja a declaração de Celso Barros:

“Tive uma visão muito ruim do Ganso como pessoa. Foi um dos que trabalhou para cair o Oswaldo. Tudo bem que o Oswaldo fez besteira e tinha que cair, mas ele derrubou o Oswaldo o chamando de palhaço. O Oswaldo o abraçou, mas você sentiu que o ele estava indo para trás no abraço, ele não estava no abraço. Ele trabalhou para derrubar o treinador. Sabemos que isso acontece no futebol, mas jogador nãopode fazer isso. Ele tinha saudade do Fernando Diniz que o ajudou lá atrás. Mas o contrato de cinco anos com o Ganso foi uma coisa absurda da gestão do (Pedro) Abad. Em três anos ele não produziu nada pelo Fluminense.”

Leia também: