Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Fórmula 1: Ferrari conquista feito inédito no GP dos Estados Unidos; saiba mais

Equipe italiana conquista feito inédito na temporada da Fórmula 1

Alexander Rodrigues
Redator no @AlemanhaFC, @Torcedorescom, ADM da página @futebolcomamor e torcedor do Feyenoord.

Crédito: Divulgação/Instagram - @scuderiaferrari

A Ferrari ficou fora do pódio do Grande Prêmio dos Estados Unidos de Fórmula 1, com o francês Charles Leclerc chegando em quarto lugar e o espanhol Carlos Sainz alcançando a sexta colocação. Mas teve um fato inédito na temporada que fez a Scuderia Italiana se orgulhar.

A parada de Sainz, feita em apenas 2,24 segundos no GP  de Austin rendeu para a Ferrari o prêmio de pit stop mais rápido da corrida. A equipe italiana ficou à frente do canadense Lance Stroll da Aston Martin, com 2,27 segundos e do espanhol Fernando Alonso da Alpine, que fechou o pódio dos pit stops com 2,29 segundos.

A Red Bull, conhecida por sempre fazer as paradas mais rápidas da Fórmula 1, ficou em sexto, com os 2,40 segundos da parada do holandês Max Verstappen, e em sétimo, com o pit stop do mexicano Serio Pérez, que marcou 2,43 segundos.

O circo da Fórmula 1 volta a se reunir nos próximos dias 5, 6 e 7 de novembro no Grande Prêmio do México, que será disputado no Circuito Hermanos Rodríguez, válido pela décima oitava etapa do mundial da categoria. A largada será no domingo (7), às 16h (de Brasília).

Leia também

Fórmula 1: Horner revela momento tenso no GP dos EUA: “Aumentou o estresse”

Fórmula 1: Abalada após derrota nos EUA, Mercedes tem grande preocupação para o resto do campeonato

Fórmula 1: Pai de Verstappen alfineta Mercedes ao falar da vitória de Max

F1: Mercedes abre o jogo e justifica por que abriu brecha para Red Bull tomar a ponta em Austin

Série B: título, acesso e luta contra o rebaixamento; veja as chances restando sete rodadas

Série B: Botafogo na liderança e Vasco na ‘cola’; veja a classificação do returno após a 31ª rodada

Casagrande chama Bolsonaro de mentiroso após presidente ligar vacina contra a Covid-19 com a AIDS

Renato demitido? Arão no São Paulo, Neymar alvo de garrafada, meia ameaçado de morte e mais: notícias do futebol no final de semana