Home Outros Esportes NFL: Drew Brees lamenta morte de Glenn Foster, ex-Saints

NFL: Drew Brees lamenta morte de Glenn Foster, ex-Saints

Defensor atuou na NFL entre 2013 e 2014 e morreu na última segunda-feira (6), aos 31 anos, após briga na cadeia

Álvaro Logullo Neto
24 anos, formado em Jornalismo pela Universidade de São Paulo e, desde 2021, redator de esportes no Torcedores.com. Por aqui, um pouco de tudo: tênis, basquete, NFL, Fórmula 1, esportes olímpicos e Fiorentina... digo, futebol!

Aos 31 anos, Glenn Foster morreu em condições pouco esclarecidas na última segunda-feira (6). Isso porque, de acordo com as autoridades, o ex-jogador da NFL se envolveu em uma briga na cadeia dois dias após ser detido por dirigir em alta velocidade e na contramão. Além disso, ele ainda resistiu à prisão. Embora tenha sido levado a um hospital após a briga, as causas da morte de Foster não foram totalmente reveladas.

PUBLICIDADE

O ex-defensor dos Saints convivia com transtornos mentais há anos. Seus familiares, aliás, acreditam que houve demora no socorro, o que pode ter contribuído com sua morte precoce. Enfim, a tragédia gerou grande comoção na comunidade da NFL. Entre muitos que se solidarizaram, Drew Brees, ex-quarterback do New Orleans Saints, se pronunciou. A lenda dividiu os vestiários com Foster entre 2013 e 2014, únicos anos do defensor na NFL.

“Meu coração está com a família e os amigos do meu ex-companheiro de equipe Glenn Foster. Eu sempre vou me lembrar de seu sorriso e natureza positiva”, disse Brees, que tem 42 anos e atualmente trabalha como comentarista de futebol americano na televisão.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Glenn Foster na NFL

Foster nasceu em Chicago e estudou na Mount Carmel High School, na mesma cidade. Ele assinou contrato com os Saints em 2013 e, então, atuou por dois anos na franquia de New Orleans. No entanto, em 2015, foi dispensado. No ano seguinte, anunciou sua aposentadoria da NFL. Foster atuava como defensive end e, ao longo de 17 jogos na Liga, conseguiu oito tackles e três sacks.

Após o fim da careira como jogador de futebol americano, Foster teve sucesso como empreitero e agente imobiliário junto de sua esposa, Pamela. Ainda assim, seguiu convivendo com problemas de bipolaridade e outros transtornos mentais. As causas e circunstâncias de sua morte ainda seguem sendo investigadas pelas autoridades.

LEIA MAIS:

Mac Jones lançou apenas 3 passes na vitória dos Patriots e quebrou marcas históricas na NFL

Cairo Santos decisivo! Relembre os ‘chutes da vitória’ do brasileiro na NFL

PUBLICIDADE

Como ‘mentalidade de videogame’ mudou a importância da 4ª descida na NFL

NFL: Pai é acusado de assassinar ex jogador dos Rams após briga

Série A define os 20 times da edição 2022; veja os participantes

10 jogadores que podem ser negociados após o fim do Brasileirão

PUBLICIDADE

Brasileirão: Apenas um jogador da Série A atuou em todas as 38 rodadas; veja quem

Flamengo termina o Brasileirão com melhor ataque da competição; confira o ranking completo

Brasileirão Série A 2021: confira a tabela completa do campeonato

Brasileirão Série B 2021: confira a tabela completa do campeonato

PUBLICIDADE
18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial