Torcedores – Notícias Esportivas

Luto! Ex-lutador brasileiro do UFC é morto a facadas no Rio Grande do Sul

Maiquel Falcão era ex-lutador de MMA, chegou a participar do UFC, e morreu aos 40 anos de idade

Mário André Monteiro
Jornalista com passagens por Portal iG, Fox Sports e Osasco Audax. Atualmente editor do Alemanha FC (http://www.alemanhafc.com.br). No Twitter: @alemao_mario e no Instagram: @marioalemao

Crédito: UFC / Divulgação

O ex-lutador brasileiro Maiquel Falcão foi morto na madrugada de sábado (22) para domingo (23) na cidade de Pelotas, no Rio Grande do Sul, após ser atingido por facadas.

Falcão foi encontrado com muitos ferimentos na região da barriga na frente de um bar da cidade gaúcha e chegou a ser levado para o hospital com vida, mas acabou não resistindo.

A polícia está investigando o crime e, segundo o delegado Felix Rafanhim, ainda não foi descoberta a motivação. “Não foram apontadas testemunhas e ainda não temos a motivação”, disse ao G1.

Em 60 lutas dentro do MMA, Maiquel Falcão venceu 40. Em 2010, ele fez seu único combate no UFC, principal organização da categoria, vencendo o norte-americano Gerald Harris por decisão unânime dos juízes.

No ano seguinte, o brasileiro foi demitido do UFC por problemas judiciais. “Nós o dispensamos pela mesma razão. Nós descobrimos que ele tinha uma acusação em seu registro por bater em uma mulher e o cortamos por causa disso”, disse Dana White, presidente do UFC, na ocasião.

Em 2011, Maiquel Falcão sofreu uma parada cardíaca e chegou a ficar internado por alguns dias. Dois anos depois, se envolveu em uma briga de rua na cidade de Camboriú, em Santa Catarina. Sua última luta foi em 2014, no evento de MMA chamado KSW 27, na derrota diante do polonês Mamed Khalidov.

LEIA TAMBÉM

Fórmula 1: Em postagem enigmática, Mercedes indica futuro de Lewis Hamilton

Sensitiva faz previsão importante sobre a vida do atacante Neymar para 2022

Ronaldo sonda Andrés Sanchez, ex-presidente do Corinthians, para ser CEO do Cruzeiro

São Paulo nunca venceu o Campinense, rival da 1ª fase da Copa do Brasil 2022

Faca arremessada na Copinha entrou no estádio escondida em marmita

Mercado da bola: Endrick no Real Alan Kardec voltando ao Brasil, empresário de Cebolinha abre o jogo; os rumores do dia

Santos repudia final da Copinha no Allianz Parque e aponta “privilégio”

Prisão de Robinho, faca na Copinha, incêndio em estádio, Douglas Costa no Flamengo: as notícias do futebol no final de semana