Home Esportes Radicais Pamella Mel busca bi campeonato no Rip Curl Grom Search

Pamella Mel busca bi campeonato no Rip Curl Grom Search

A catarinense venceu a irmã de Gabriel Medina em 2019

Eduardo Statuti
Estudante de jornalismo na Universidade Federal de São João del-Rei. No Torcedores desde 2019.

Divulgação/Livre Surfe

PUBLICIDADE

Com apenas 14 anos, a surfista brasileira já ganha destaque nacional. Sendo assim, a vencedora em Garopaba no ano passado irá em busca de seu segundo título na etapa. Além do torneio, Pamella já chegou a 164 pódios em sua carreira, e em 60 oportunidades foi a vencedora. Dessa maneira, a garota ainda encerrou o ano de 2019 como vice-campeã do ranking nacional, devido à sua terceira colocação na etapa do Rio.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Neste ano, a surfista de 13 anos terá a vantagem de competir em casa. O Rip Curl Grom Search de 2020 ocorrerá na Praia da Ferrugem, mesmo local do ano passado, e também lar de Pamella. Sendo assim, torneio ocorrerá nos dias 25 e 26 de janeiro em Garopaba/SC e contará com mais de 100 jovens promessas com até 16 anos. Além disso, acontecerão também disputas nas categorias sub-12 (iniciante) e sub-14 (grommet).

 

PUBLICIDADE

Mesmo com títulos, Pamella Mel segue sem patrocínios

Pamella pensa que o título geral significou um grande passo em sua carreira, pela chance que lhe seu disputar um título internacional pelo qual vários surfistas profissionais já passaram. Pamella Mel se destacou também no CBSurf Junior Tour, o que lhe rendeu uma vaga no ISA Júnior Championship. Não sendo o bastante, a jovem de 14 anos ficou no top 10 do Sul-Americano Pró-Junior, da WSL ainda quando tinha 13 anos.

Este ano, a garota de Santa Catarina terá novamente sua maior rival pela frente. Se trata da irmã do bi campeão mundial Gabriel Medina, Sophia Medina. Sendo assim, ela segue os passos de seu irmão e é bi campeã do torneio. Além disso, Sopia foi a carrasca de Pamella no Rio quando virou a etapa, e venceu o campeonato brasileiro sub-16. No último Rip Curl Grom Search, o bi campeão mundial foi inclusive prestigiar o evento. “Esse é um campeonato irado, importante para a formação dos novos talentos” disse o surfista. ” Eu competi aqui como vocês. Acreditem e levem a sério” completou Medina, dando incentivo aos jovens atletas naquela oportunidade.

Entretanto, mesmo com seus grandes resultados, Pamella Mel segue sem patrocínio em 2020. A família da jovem ainda acredita em seu potencial. Assim sendo, seus pais, Ailton e Regina, e seu irmão mais novo Nicollas, até já mudaram de estado para investir no sonho de Pamella. Porém, sem os patrocinadores, a atleta de 14 anos terá dificuldades para participar das etapas do Sul-Americano Pró-Junior de 2020.

 

PUBLICIDADE

LEIA MAIS:

O que esperar do surfe do Brasil em 2020

Liga Mundial de Surfe anuncia calendário de 2020