Cruzeiro lança Portal da Transparência e anuncia quase R$ 6 milhões de reais anuais com recursos de sócios

Valor de arrecadação dá gás para a Raposa que enfrenta problemas financeiros desde a temporada 2019 e luta para se reconstruir

Luis Feitosa
Jornalista graduado e amante de futebol e futebol americano

Crédito: Bruno Haddad/Cruzeiro

O Cruzeiro anunciou nesta sexta-feira, 14, o lançamento do Portal da Transparência do clube. O projeto viabiliza mostra tudo o que acontece na parte financeira da Raposa para que os torcedores tenham acesso. Outra importante medida anunciada foi que a equipe terá quase R$ 6 milhões anuais com os novos recursos dos sócios.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

De acordo com o clube são 58.408 sócios ativos sendo 40.518 da “Reconstrução” já tendo feito o pagamento anual do clube com o valor gerado aos mineiros de R$ 5,834,92. Ainda há cerca de 5,5 mil sócios que não realizaram o pagamento ao time, mas já constam no contador digital. Ao todo são oito planos de sócios além do Reconstrução: Cruzeiro Sempre (12.046), Cruzeiro Prata (2.776), Cruzeiro Eterno (1.194), Cruzeiro Tradição (591), Cruzeiro Bronze (500), Cruzeiro Ouro (493), Cruzeiro Kids (285) e Eficiente (5).

“Esta é uma iniciativa muito importante, principalmente em um momento como este, no qual temos o propósito de consertar os erros, reconstruir e fazer o Cruzeiro trilhar novos caminhos. Estamos todos muito felizes com o lançamento deste projeto, que agora passa por uma fase inicial, mas o nosso objetivo é fortalecê-lo cada vez mais, com informações e dados, e que seja um legado para as futuras administrações do Cruzeiro. É uma conquista de todos, funcionários, torcedores, e uma ferramenta importante também para acompanhamento da imprensa”, disse José Dalai, presidente em exercício da Raposa.

O dinheiro que já está na conta do clube mineiro servirá principalmente para os pagamentos de salários dos funcionários da equipe, como já realizado no mês de janeiro. A Raposa passa por graves problemas financeiros desde 2019 e teve que se desfazer de todos os principais jogadores. Alguns saíram por salários atrasados, outros foram negociados para aliviar a folha salarial e aqueles que permaneceram no elenco de Adilson Batista são na maioria jovens das categorias de base.

LEIA MAIS:

Motivado por Adilson Batista, meia que estreou contra o São Raimundo-RR vê Léo como referência: “Um cara fenomenal”

Alexandre Jesus comemora primeiro gol enquanto profissional e classificação na Copa do Brasil 2020

Fábio reclama da arbitragem e do gramado em Roraima, mas comemora classificação na Copa do Brasil 2020