Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Família pede para jogador da NBA investir em empresa que estava fechada

Lonzo Ball, jogador da franquia, possui 51% das ações do negócio de materiais criados por seus familiares

Raffa Carolina
Colaboradora do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação

Parece que as coisas na família Ball não andam nada bem. O principal personagem é o filho Lonzo Ball, atleta do New Orleans Pellicans, da NBA, dono de 51% das ações da marca esportiva Big Baller Brand (BBB). Ele se mostrou bastante decepcionado com a atitude de um dos fundadores.

Isso porque, Alan Foster foi acusado de enriquecimento ilícito. Com isso, teria se apropriado de 1,5 milhão de dólares (R$6 milhões), do patrimônio do atleta da principal franquia de basquete. A denúncia foi feita pelas jornalistas Ramona Shelburne e Paula Lavigne, da ESPN.

Você conhece o canal do Torcedores no YoutubeClique e se inscreva!

Siga o Torcedores também no Instagram

Ball tem sofrido com entorses no tornozelo durante temporada da NBA. A publicação ressalta que os motivos das contusões seria justamente a qualidade duvidosa dos equipamentos da BBB.

LaVar, pai de Lonzo visitou o filho em Nova Orleans após o filho declarar em um podcast sobre outras marcas esportivas no episódio do podcast Woj, que é produzido pela ESPN.

Ao ser questionada sobre a denúncia, o Pellicans, time em que o jogador atua na NBA, declarou que não vai se manifestar, por julgar ser um problema de Lonzo. Entretanto, teve papel importante, pois auxiliou nas decisões do jogador para optar por uma nova marca esportiva para patrocínio.

Mas, com essa denúncia, Lonzo perdeu completamente a confiança na família. Em nota oficial, LaVar Ball declarou estar consternado e admitiu ter cometido um erro. “Eu sempre acreditei no melhor das pessoas e, hoje, arrependo-me de ter colocado a minha em Alan para administrar os interesses de meus filhos. No fim das contas, a família sempre virá em primeiro lugar e vou apoiar Lonzo com todo o meu coração. Juntos, nós vamos acertar tudo e resolver essa situação”,

No momento, o jogador de 22 anos, depois de duas temporadas atuando pelo Lakers (2017/18 e 2018/19), se transferiu para o Pellicans, e nesta atual fez uma média de 11.9 pontos, 6 rebotes e 6.7 assistências.

LEIA MAIS
Harden comanda os Rockets para derrubar sequência invicta dos Celtics na NBA