Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Clube admite interesse em atacante do Atlético: “Gostaria muito que viesse”

 

Eder Bahúte
Jornalista e assessor de imprensa.

Crédito: Bruno Cantini/CAM

Fora dos planos do Atlético-MG para a temporada 2020, o atacante Clayton entrou na mira do Figueirense. A confirmação veio do próprio presidente do clube catarinense, Chiquinho de Assis. A questão salarial do jogador, porém, é um empecilho.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Para viabilizar o retorno de Clayton, o Figueirense precisará entrar em acordo com o Atlético.

– O Figueirense quer Clayton? Sim, e gostaria muito que viesse. Ele é bem-vindo. É uma decisão pessoal. Ele precisa decidir o que quer da vida – completou Chiquinho de Assis. O Clayton está em um patamar salarial fora da realidade do Figueirense, não tem a menor chance de chegar a esse patamar. Por outro lado, é sabido que o Atlético-MG não está contando com ele para 2020, mas tem esse compromisso na folha. Não é difícil chegar a um entendimento com o clube, coisa que está muito próximo, mas é importante o atleta querer vir e entender a situação – relatou Chiquinho em entrevista ao Grupo VEG Esportes.

Com o Atlético, Clayton possui vínculo até o final desta temporada. De acordo com a publicação, o Figueirense se dispôs em pagar 15% do salário do atacante, sendo o restante bancado pelo Galo.

“Se puder reduzir o valor do Atlético-MG, isso também é interessante. O Clayton é que precisa decidir o que ele pretende para o futuro. Ele aguardou propostas de outros clubes, as janelas foram se fechando, as opções estão diminuindo. O Figueirense mantém o interesse, mas não tem como fugir de uma premissa que já foi estabelecida”, concluiu.

LEIA MAIS: