Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Marquinhos Gabriel e mais 10: saiba a situação dos jogadores emprestados pelo Cruzeiro

Cruzeiro projeta saída de mais 10 jogadores antes do início da Série B do Campeonato Brasileiro

Wilson Pimentel
Jornalista esportivo desde 1998. Cobriu os principais eventos esportivos da última década. Passou pelas redações do SBT, Record TV, CNT, Esporte Interativo, Rádio Tupi, Rádio Brasil e Rádio Manchete. É correspondente de veículos de comunicação da Colômbia, Croácia, Paraguai e Portugal. Está no Torcedores.com desde 2019.

Crédito: Divulgação /Cruzeiro

O Cruzeiro terá o maior desafio dos seus 91 anos de história nesta temporada de 2020: retornar a Série A do Campeonato Brasileiro. Por isso, o presidente Sérgio Santos Rodrigues tem a missão de enxugar ainda mais a milionária folha salarial do clube abrindo mão de contratações impactantes para abrir espaço para o desenvolvimento de atletas das categorias de base.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!

Siga o Torcedores também no Instagram

Por isso, o dirigente está costurando acordos trabalhistas e liberou medalhões como Edílson, Egídio, Fabrício Bruno, Thiago Neves, Robinho, Fred, entre outros. Com isso, a Raposa estima reduzir de R$ 15 milhões para R$ 5 milhões os gastos com a folha salarial cruzeirense. Porém, o técnico Enderson Moreira, contratado recentemente pelo clube, deu sinal verde para que novos cortes sejam feitos no departamento de futebol.

Mesmo assim, o Cruzeiro ainda continua com um elenco inchado. No total, o grupo tem 41 jogadores incorporados ao elenco profissional. De acordo com o clube, a meta é trabalhar com 25 atletas. Com isso, os experientes Marcelo Hermes e Ariel Cabral podem ser negociados. O lateral-esquerdo tem sondagens de clubes da Espanha e Portugal, enquanto o volante avalia ofertas de times da Argentina.

Por isso, o Torcedores.com pesquisou a situação dos jogadores emprestados pelo Cruzeiro. Afinal, a diretoria projeta fazer caixa negociando alguns atletas que se destacaram com a camisa celeste nas últimas temporadas. E tem muito nome conhecido que se encaixaria perfeitamente (ou não) em outras equipes da Série A do Campeonato Brasileiro. Confira!

Henrique

O volante de 35 anos foi emprestado ao Fluminense até o fim da temporada. Porém, para ser liberado precisou renovar por dois anos seu vínculo com o Cruzeiro. Com a camisa tricolor, Henrique já disputou 7 partidas em 2020. Foram duas na Copa Sul-Americana, uma na Copa do Brasil e quatro no Campeonato Carioca. Henrique, antes de mais nada, é considerado um isso. Por isso, o jogador pode retornar ao clube em 2021.

Jadson

Foi contratado pelo Cruzeiro após indicação do técnico Mano Menezes. Em 2019, Jadson atuou com volante, meia-ofensivo e até na lateral-direita. Porém, não agradou em nenhuma das três funções. Jadson, nesse ínterim, disputou 31 partidas e marcou 1 gol. Com isso, o jogador foi emprestado ao Bahia até o fim da temporada.

Joel Tagueu

Pouco utilizado no Cruzeiro, Joel de 26 anos foi emprestado ao Marítimo, de Portugal. Com a camisa verde-rubra, o camaronês marou 20 gols em 59 partidas entre 2017 e 2020. A diretoria do clube português tem interesse em mantê-lo para a próxima temporada. Joel tem contrato com a Raposa até o próximo dia 20. Com isso, o Cruzeiro não receberá compensação financeira.

Luis Manuel Orejuela

Após investir US$ 1,5 milhão (R$ 7,3 milhões) para adquirir 50% dos direitos econômicos do colombiano, o Cruzeiro fez um acordo para cedê-lo por empréstimo ao Grêmio até 31 de dezembro. O clube gaúcho, antes de mais nada, superou a concorrência de grandes clubes brasileiros como Flamengo e Palmeiras que desejavam Orejuela.

Manoel

Emprestado ao Trabzonspor, Manoel tem contrato com o clube turco até julho de 2020. O zagueiro disputou apenas uma partida antes da paralisação do futebol por causa da pandemia do novo coronavírus. Apesar disso, a diretoria espera conseguir negociá-lo na próxima janela de transferências.

Marquinhos Gabriel

Marquinhos Gabriel foi emprestado ao Athletico Paranaense até dezembro. A saída do jogador da Toca da Raposa faz parte do plano de corte de custos do clube mineiro. Mas vale lembrar que seu contrato com o clube celeste vai até dezembro de 2021.

Nonoca

Promovido ao profissional do Cruzeiro em 2017, Lucas de Souza Ventura, o Nonoca, teve poucas oportunidades para se firmar com Mano Menezes. Com isso, o volante foi emprestado ao Sport onde teve passagem destacada. Atualmente, está na sua segunda passagem pelo Boa Esporte. Em 2020, o jogador de 22 anos disputou sete partidas no Campeonato Mineiro.

Renato Kayser

Entre todos os emprestados, o meia-atacante é o que menos se destacou pelo Cruzeiro. Na última temporada, ele teve passagem sem brilho pela Chapecoense. Por isso, foi emprestado ao Atlético Goianiense. Revelado pelo Vasco, Renato Kayzer tem contrato com a Raposa até dezembro de 2022.

Rodriguinho

Principal contratação do Cruzeiro em 2019, Rodriguinho foi emprestado ao Bahia até o fim da temporada. Porém, os direitos econômicos do atleta foram divididos nesta negociação. O time baiano ficou com 40%, já a Raposa permaneceu com 20%. Os outros 40% não foram divulgados. Em entrevista a ESPN, Rodriguinho chamou o clube de “barca furada” após revelar os bastidores do rebaixamento do Cruzeiro.

Sassá

Luiz Ricardo Alves, o Sassá, foi contratado pelo Cruzeiro em 2017. Ele, nesse ínterim, marcou 20 gols em 80 jogos pelo clube. Revelado pelo Botafogo, o atacante acumula passagens por Oeste (SP) e Náutico. Sassá foi emprestado ao Coritiba até dezembro deste ano

Victor Luiz

Revelado na Toca da Raposa, Victor Luiz disputou apenas 3 partidas pelo Cruzeiro entre de 2017 a 2018. Por isso, ele foi emprestado em sequência ao Democrata de Governador Valadares (MG), Londrina, Tombense e HJK, da Finlândia. Posteriormente foi cedido ao Villa Nova (MG) onde atuou em cinco jogos no Campeonato Mineiro.

LEIA MAIS: