Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Liverpool anunciava Fernando Torres há 13 anos; jogador chegou como a contratação mais cara da história do clube

Jogador defendeu os Reds entre 2007 e 2010, mas não conquistou nenhum título neste período

Cido Vieira
Jornalista formado e apaixonado por futebol desde criança. No Torcedores.com desde o ano de 2017, já acumulei diversas funções no site e atualmente me dedico a cobertura do futebol nordestino. No Twitter, @cidovieira90.

Crédito: Divulgação - Liverpool

Aposentado dos gramados há pouco mais de um ano, o ex-atacante Fernando Torres construiu uma carreira de sucesso dentro do futebol, passando por grandes clubes com destaques, e também conquistando títulos importantes também pela Seleção da Espanha. Após grande protagonismo no Atlético de Madrid, clube que o revelou para o cenário mundial, “El Niño” recebeu uma proposta tentadora em 2007 e rumou para o Liverpool, em sua primeira experiência fora da sua terra natal.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

Na época, há exatos 13 anos, os Reds não pouparam esforços para viabilizar a contratação do camisa 9. Tanto que o clube desembolsou as astronômicas cifras de 36 milhões de euros (cerca de R$ 94 milhões na cotação do momento). O jogador de 23 anos desembarcava em Anfield com números expressivos no início da carreira. Eram 82 gols marcados em 214 partidas pelos Colchoneros, além de 14 gols em 40 partidas defendendo a Fúria.

A transação de Torres se transformara naquela ocasião a maior em toda a história do Liverpool, desbancando os 21 milhões de euros pagos na compra do atacante francês Djibrill Cissé, em 2004.

Em quase três temporadas defendendo as cores do Liverpool, Fernando Torres acumulou 81 tentos marcados em 142 jogos, uma média de 0,57 gol por jogo, mas não chegou a levantar nenhum troféu, diferentemente do que aconteceu em seu próximo clube na Terra da Rainha, o Chelsea.

IDA PARA O CHELSEA E NOVOS RECORDES

No início de 2011, o Chelsea surpreendeu, e nos últimos minutos da janela de transferências fechou a contratação do camisa 9 dos Reds. Para contar com Torres, os Blues desembolsaram incríveis 50 milhões de libras (R$ 133 milhões), sendo assim a sexta transação mais cara do futebol na época. No time londrino, o atacante espanhol conquistou uma edição da Champions League (2011/12), uma Liga Europa (2012/13) e uma edição da FA Cup (2011/12).

LEIA MAIS: