Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Maradona exalta feitos de Messi e CR7: “Ninguém consegue atingir metade do que eles fazem”

Para Maradona, a dupla de craques está acima de todos os outros jogadores na atualidade

Bruno Romão
24 anos, jornalista formado pela Universidade Estadual da Paraíba, amante da escrita, natural de Campina Grande e um completo apaixonado por futebol. Contato: bruno.romao.nascimento@gmail.com

Crédito: Reprodução

Em entrevista à revista “France Football“, Maradona exaltou Messi e Cristiano Ronaldo. Dessa forma, o ídolo argentino não elegeu qual é o melhor entre os dois, colocando ambos em uma “prateleira” única. Isso porque, em sua opinião, todos os outros jogadores, na atualidade, estão abaixo da dupla, que já se consolidou na lista dos melhores atletas da história.

“Para mim, esses dois estão um pouco acima dos outros. Não vejo ninguém se aproximando deles. Não há nenhum (jogador) que consiga atingir metade do que eles fazem”, declarou.

Além disso, Maradona brincou seu histórico gol de mão na Copa de 86, e contou que por pouco não atuou no futebol francês.

“Tenho o sonho de poder fazer mais um gol nos ingleses, desta vez com a mão direita (risos)…”

“Os dirigentes do Olympique de Marselha entraram em contato comigo e ofereceram o dobro do meu salário. Na época, eu estava jogando no Napoli e o presidente (Corrado) Ferlaino me disse que, se ganhássemos a Copa da Europa, ele me deixaria ir. Bernard Tapie (presidente do Olympique) e Michel Hidalgo (seu agente esportivo) vieram para me fazer uma proposta e para que todos discutíssemos juntos. Assim que voltei para Nápoles, disse a Ferlaino: ‘Obrigado presidente por todos esses belos anos, estou indo embora’. Nesse ponto, ele começou a bancar o idiota, como se não entendesse, e acabou recuando (nas negociações). Fim da história“, contou.

LEIA MAIS

Maradona já citou Pelé como ‘lenda inventada’ e apontou Di Stéfano como melhor de todos os tempos