Veja quando o Palmeiras deve economizar com a saída ‘amigável’ de Ramires

Ramires disputou 45 partidas com a camisa do Palmeiras e fez apenas um gol pelo clube, além de ter sido campeão paulista

Danielle Barbosa
Colaboradora do Torcedores.com.

Crédito: Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação

O Palmeiras surpreendeu ao anunciar nesta sexta-feira (27) a rescisão ‘em comum acordo’ do volante Ramires, que estava ganhando espaço com o técnico Abel Ferreira nos últimos jogos, e após a vitória por 3 a 1 sobre o Delfín, pela Libertadores, recebeu elogios do comandante português.

Segundo o UOL Esporte, o Palmeiras pode economizar cerca de R$ 30 milhões, isso porque o jogador de 33 anos abriu mão de boa parte dos valores que tinha a receber para rescindir com o clube Alviverde. Vale lembrar que o atleta tinha contrato até a metade de 2023.

Contratado no segundo semestre de 2019 pelo então diretor de futebol do clube, Alexandre Mattos, Ramires tinha um dos três maiores salários do elenco, mas nunca conseguiu corresponder à expectativa. Além disso, a polêmica de ter sido flagrado em uma balada quando o elenco enfrentava um surto de Covid-19 ‘ajudou’ a desgastar a imagem com a torcida, mas segundo o UOL, o episódio não teve relação com a rescisão.

Veja a nota oficial divulgada pelo Palmeiras:

“O Palmeiras e o meio-campista Ramires rescindiram na tarde desta sexta-feira (27), em comum acordo, o vínculo de trabalho do atleta com o clube. Contratado na última temporada, o jogador conquistou o título do Campeonato Paulista, disputou 45 jogos e marcou um gol em sua passagem pelo Maior Campeão do Brasil.

O Verdão agradece ao jogador pelos serviços prestados e deseja sucesso na sequência da carreira.”

DESPEDIDA DE RAMIRES:

Em seu perfil no Instagram, o volante se manifestou sobre a rescisão com o Palmeiras. Agradeceu ao clube pela oportunidade e afirmou que vai ficar na torcida pela equipe.

“Como a maioria de vocês já deve saber, decidimos, eu e a direção do Palmeiras, que seria bom para ambas as partes a finalização do meu vínculo com o clube, o que aconteceu da forma mais amigável e tranquila possível. Minhas motivações são pessoais e relacionadas com situações que prefiro não expor nesse momento. Estou aqui apenas para agradecer ao Palmeiras, a toda direção, pela maneira profissional e correta que me tratou, e aos meus companheiros, pela amizade, carinho e respeito. Não poderia deixar de expor nesse momento a minha gratidão especial ao treinador Abel Ferreira por tudo que ele fez por mim no breve período em que estivemos juntos. Obrigado por me possibilitar mostrar que com sequência e confiança eu posso acrescentar onde quer que eu jogue no futuro. Estarei na torcida para que tudo dê certo para o clube nesse restante de temporada. Um grande abraço e fiquem todos com Deus”, escreveu o jogador.

LEIA MAIS:
Mercado da bola: Na mira do Palmeiras, Hulk rechaça primeira oferta do Porto, diz site
Jornal português coloca jogador do Palmeiras na mira do Benfica a pedido de Jorge Jesus

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes