Torcedores – Notícias Esportivas

Jorge Jesus é chamado de racista após declaração polêmica sobre PSG x Istanbul

PSG x Istanbul foi suspenso nesta terça após um suposto caso de racismo envolvendo o quarto árbitro

Eder Bahúte
Jornalista e assessor de imprensa.

Crédito: Divulgacao

O técnico do Benfica, Jorge Jesus, foi questionado em entrevista coletiva a respeito de um caso de racimo na partida entre PSG x Istanbul, pela Liga dos Campeões, onde o quarto árbitro teria ofendido um membro da comissão técnica do time turco. Após uma grande discussão, as duas equipes deixaram o campo como forma de protesto.

Na opinião de Jesus, o ‘racismo está na moda’ e minimizou o ocorrido no duelo válido pela última rodada da fase de grupos da Champions League.

– Bem, eu não sei… não estava lá. Não sei o que aconteceu, o que se falou, o que se diz, mas hoje está… muito na moda isso do racismo. Como cidadão tenho direto de pensar à minha maneira e só posso ter uma opinião concreta se souber o que se disse naquele momento. Porque hoje qualquer coisa que se possa dizer contra um negro é sempre sinal de racismo. Se se pode dizer-se o mesmo contra um branco, já não é sinal de racismo. Está-se a implantar essa onde no mundo… se calhar até houve algum sinal de racismo com esse treinador, mas eu não sei o que disseram – disse o treinador português.

Abaixo a declaração de Jorge Jesus sobre racismo em PSG x Istanbul

A fala de Jorge Jesus repercutiu bastante nas redes sociais e muitos o classificaram como racista. Confira.

PSG x Istanbul voltam a campo nesta quarta-feira (9), às 14h55h (de Brasília), no estádio Parc des Princes, em Paris (FRA), em jogo da sexta e última rodada do Grupo H da Liga dos Campeões. A partida terá transmissão pelo Facebook Watch e também pelo EI Plus, serviço de streaming do Esporte Interativo/Turner.

LEIA MAIS: