Fórmula 1: Toto Wolff diz que Hamilton não cometeu erro em Baku

Chefe da Mercedes não considerou que o acionamento acidental de um botão, possa ser enquadrado como erro do piloto britânico

Wagner Moreira
Formado em audiovisual, jornalista e analista de mídia

Crédito: Divulgação/ Mercedes

Em entrevista a Sky Sports, Toto Wolff explicou os motivos que levaram Hamilton a não conseguir frear seu Mercedes na primeira curva após relargada do GP de Baku, 6ª etapa do campeonato da Fórmula 1.

A situação fez com que Hamilton perdesse a chance de assumir a liderança do campeonato, já que seu maior rival na disputa, Max Verstappen da Red Bull, havia saído da prova por conta de um furo no pneu.

“Não, isso não pode ser chamado de erro”, disse Toto.

A configuração habilitada por Hamilton jogou o balanço dos freios para a parte dianteira do carro, o fazendo passar reto na curva 1.

“Foi justo na disputa com Sergio (Pérez). Ele tocou no botão que alterou o equilíbrio do freio, o equilíbrio foi todo para a frente e o carro não parou”, explicou o chefe da Mercedes.

FÓRMULA 1: SÉRGIO PÉREZ VENCE GP DO AZERBAIJÃO

A corrida foi vencida por Sergio Pérez da Red Bull, com Vettel(Aston Martin) e Gasly(Alpha Tauri), completando o pódio.

A disputa do titulo continua com Max Verstappen 4 pontos a frente de Lewis Hamilton, 105 a 101.

LEIA MAIS

FÓRMULA 1: DIRETOR TÉCNICO FALA SOBRE TER A CATEGORIA NA INDY 500

FÓRMULA 1: LEWIS HAMILTON DEFENDE TENISTA MULTADA EM ROLAND GARROS