Internacional busca informações sobre salários e prepara oferta por lateral da seleção uruguaia

Camilo Cándido tem contrato com o Nacional, do Uruguai, até julho de 2023

Wilson Pimentel
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação/ AUF

Antes de mais nada, o Internacional está atrás de reforços para a sequência da temporada após a contratação do técnico Diego Aguirre. O Torcedores.com apurou que a diretoria colorada se movimenta em busca de informações sobre o lateral-esquerdo Camilo Cándido.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Com boa finalização e capacidade de desempenhar também diversas funções no meio de campo, Camilo Cándido teve o nome levantado pelo departamento de scout do Internacional. Posteriormente, o setor fez o primeiro contato com os representantes do atleta.

Ainda segundo apurou a reportagem, o interesse no jogador, portanto, ainda está em estágio inicial. A princípio, este procedimento é praxe dentro do departamento de futebol colorado. Dessa forma, o diretor executivo Paulo Bracks analisa as informações para preparar uma oferta pelo atleta.

Atualmente, o defensor está a serviço da seleção uruguaia na disputa da Copa América. Ele, inclusive, é reserva no time comandado por Óscar Tabárez. O dono da posição é Matías Viña, do Palmeiras.

Além do Internacional, o lateral também está no radar da Fiorentina e Getafe. O defensor é uma indicação do técnico Diego Aguirre para reforçar a lateral colorada que atualmente conta com Léo Borges e Moisés.

Camilo Cándido tem contrato com o Nacional até julho de 2023. O cube detém participação em 100% dos direitos econômicos do atleta. Segundo o site “Transfermarkt”, o lateral está avaliado em 1 milhão de euros (R$ 5,9 milhões, pela cotação atual).

A carreira de Camilo Cándido

Nascido em Montevideo, Uruguai, Camilo Damián Cándido Aquino foi revelado pelo Rampla Juniors. Em 2019, o lateral-esquerdo teve breve passagem pelo San Martín, da Argentina, onde não teve protagonismo.

No ano seguinte, ele retornou ao futebol uruguaio para defender novamente o Rampla Juniors. Posteriormente, foi emprestado ao Juventud e Liverpool. Em 2021, o Nacional investiu US$ 826 mil (R$ 4,1 milhões) para comprar seu passe.

Com passagem destacada pelas seleções de base, ele ainda não estreou na equipe principal do Uruguai. Camilo Cándido, só para exemplificar, ficou à disposição de Óscar Tabárez nos confrontos contra o Paraguai, Venezuela e Chile pela Copa América.

LEIA MAIS: 

Torcida cria ‘Disque Denúncia’ para fiscalizar jogadores do Paysandu 

Afundado em dívidas, Botafogo recusa oferta do Internacional por lateral; saiba os valores! 

Chapecoense quer compensação financeira para liberar cria da base para o Remo