Mercado da Bola: Grêmio fala de novos reforços e atualiza negociações por renovação com atacante

Confira algumas informações de mercado da bola do Grêmio passadas pelo presidente Romildo Bolzan Jr

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: FOTO: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA

Logo depois da classificação do Grêmio às oitavas de final da Copa do Brasil com o empate em 0x0 diante do Brasiliense, fora de casa, o presidente Romildo Bolzan Jr atendeu à reportagem da Rádio Gaúcha tratando de temas como eventuais reforços e a negociação para renovar com Ferreira.

Em relação ao mercado neste momento, Bolzan disse que não imagina a chegada de contratações agora, para este momento, salvo situações excepcionais. Ele acredita que o clube poderá, sim, ter novos jogadores para agregar ao plantel a partir do segundo semestre, na próxima janela.

Sobre Ferreira, a principal preocupação do clube é aumentar a sua multa rescisória, que, atualmente, é considerada baixa de 8 milhões de euros. O prazo do atual vínculo já é grande, indo até o fim de 2023.

As principais falas de Bolzan sobre o mercado da bola do Grêmio:

REFORÇOS

“Muito difícil neste momento. Não imagino que vá acontecer mais alguma situação nesse sentido agora. Acredito que até a nova janela, até julho, agosto, não teremos novas chegadas. A não ser que surja uma situação de excepcionalidade. Vamos ter a esse elenco o acréscimo do Douglas e já temos o Jhonata Robert como novidade também se afirmando”

RENOVAÇÃO DE FERREIRA

“Estamos conversando. Algumas situações já foram postas na mesa mas não há nenhuma sinalização de conclusão ou sucesso. São conversas muito preliminares ainda. Não há como saber como serão concluídas. Recebemos propostas, vamos analisar até segunda-feira. Vamos esgotar todas nossas possibilidades para melhorar a posição do Grêmio e a do Ferreira neste novo contrato, mas ainda não temos nenhuma luz de como vai terminar”

AUMENTO DA MULTA RESCISÓRIA

“Jogando a bola que está jogando, a multa pode ser maior. Mas agora acho que o mercado dele está do tamanho da atual multa. Ele tem potencial. Se estourar, tiver uma convocação olímpica, por exemplo, pode mudar de patamar. Tem todo um Brasileirão para jogar e provar”

RELAÇÃO COM O EMPRESÁRIO PABLO BUENO

“O acordo sepultou qualquer situação de divergência que podia ter. O que acontece agora é um processo de negociação. Para mim não tem ressentimento, vamos procurar fazer o melhor, de modo que contemple o Grêmio. Se não for possível, paciência, a vida segue, ninguém é insubstituível”

LEIA MAIS:

Após queda do Inter na Copa do Brasil, jogadores do Grêmio postam “risadas” na web; ex-dirigente tricolor também brinca

Rafinha estranha expulsão e cutuca Inter após título do Grêmio: “Me tirar do jogo conseguiram, o título não”

Siga o autor:

No Instagram

No YouTube