Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Eurocopa: Suécia vence a Eslováquia com gol de Forsberg

Atacante Isaak fez grande partida e Forsberg, de pênalti, marcou o gol da vitória sueca por 1 a 0

Lucas Ayres
Colaborador do Torcedores

Crédito: Kirill Kudryavtsev - Pool / Getty Images

A Suécia fez 1 a 0 na Eslováquia e finalmente venceu na Eurocopa. A seleção nórdica não vencia uma partida na competição desde a última rodada da fase de grupos da edição de 2012. O gol marcado por Forsberg — também o primeiro anotado por um sueco desde 2012 — não só pôs fim à seca como deixou a equipe com boas condições para se classificar para as oitavas de final.

O jogo entre as seleções foi pouco movimentado no primeiro tempo, mas teve os suecos bastante ativos no segundo tempo, especialmente com as jogadas do atacante Isaak. O jovem atacante foi decisivo no lance que originou o pênalti que abriu o placar, além de participar de praticamente todas os lances que levaram perigo ao gol eslovaco.

A próxima partida da Suécia será contra a Polônia, enquanto a Eslováquia encara a Espanha. Ambos os confrontos acontecem na próxima terça-feira (22), as 13h. Um empate garante os suecos na próxima fase, enquanto os eslovacos esperam o resultado da partida entre espanhóis e poloneses (sábado, as 16h), para entender sua situação no grupo.

O gol de Suécia x Eslováquia

O único gol da partida foi da Suécia, marcado pelo meia Forserg aos 32 minutos do segundo. O jogador do RB Leipizg converteu a penalidade marcada em cima de Quaison após lindo passe de Isaak, grande destaque do jogo.

O primeiro tempo de Suécia x Eslováquia

O primeiro tempo não teve lá muitas emoções. “Tranquila” com os três pontos conquistados sobre a Polônia na primeira rodada, a Eslováquia jogou mais retraída, com a defesa mais postada em seu próprio campo e sem se arriscar muito nos ataques. A Suécia, pelo contrário, assumiu a postura necessária a quem precisava de um bom resultado para se manter viva na competição. Pelo menos nos primeiro 15 minutos.

Passados 20 minutos, a pressão e imposição física sueca arrefeceu, e os eslovacos passaram a ter espaço e tranquilidade para tocar a bola. Estes passaram a dominar a posse de bola mas ainda de uma maneira mais defensiva do que propositiva.

A impressão, a partir dos 30 minutos, era de que ambas as equipes esperavam pelo intervalo, por motivos diferentes, é claro. E foi o que aconteceu, com juiz encerrando a primeira etapa sem nenhum gol no placar nem chutes no gol.

O segundo tempo de Suécia x Eslováquia

O segundo tempo de Suécia x Eslováquia começou com um roteiro similar dos 45 minutos iniciais. Os suecos voltaram mais espertos, buscando marcar alto e movimentar a bola mais rapidamente. Tanto que com um minuto, o atacante Isaak finalizou perigosamente da entrada da área.

A partir dos 10 minutos, as equipes começaram a encontrar na bola aérea a solução para ameaçar as metas adversárias. Os eslovacos chegaram com uma bola parada aos 12; os suecos responderam com um cruzamento da linha de fundo aos 13, que exigiu a intervenção do goleiro Dubravka, e no escanteio gerado pelo lance, aos 14.

Sentindo o bom momento, o técnico Jan Andersson promoveu duas mudanças ofensivas na Suécia, com as entrada de Quaison e Claesson. Štefan Tarkovič respondeu com Haraslín entrando no lugar do lateral Pekarik.

Ainda assim, foi Isaak quem seguiu como a principal opção ofensiva da Suécia. O atacante da Real Sociedad cabeceou com perigo aos 16 e depois fez linda jogada individual aos 26, costurando pelo meio campo e finalizando na entrada da área, pela esquerda. A bola passou raspando a trave.

Aos 30 minutos, o jovem jogador brilhou novamente. Após jogada rápida pela direita, o centroavante fez um lindo pivô e deu a bola para Quaison que, voando para dentro da área, foi derrubado pelo goleiro Olsen. O juíz marcou o pênalti e o meia Forsberg converteu aquele que foi o primeiro gol sueco na Eurocopa desde 2012.

A Suécia surpreendeu ao manter a postura ofensiva após abrir o placar, com a marcação ainda alto e o ritmo ainda intenso. Não surpreendeu, porém, mais uma jogada de Isaak, que levou perigo mais uma vez, finalizando uma jogada individual quase na marca do pênalti — e que poderia ser uma jogada coletiva, já que Quaison passava livre ao seu lado.

A Eslováquia, por outro lado, sentiu demais o gol e não conseguiu criar mais. Então, somente com o jogo próximo ao apito final, que a Suécia retraiu seus marcadores e apostou num tímido contra-ataque. A estratégia não rendeu outro gol, mas garantiu a vitória por 1 a 0.

Suécia (4-4-2):Olsen; Lustig, Lindelöf, Danielson e Augustinsson; Olsson, Ekdal, Larsson e Forsberg; Marcus Berg e Alexander Isak. Técnico: Jan Andersson

Eslováquia (4-2-3-1): Dubravka; Pekarik, Satka, Skriniar e Hubocan; Juraj Kucka e Hrosovsy; Koscelnik, Hamsik e Róbert Mak; Ondrej Duda. Técnico: Štefan Tarkovič

Gols: Forsberg, da Suécia, aos 32′ do segundo tempo;

LEIA MAIS

Eurocopa: Holanda vence a Áustria e avança para as oitavas

Euro: Bélgica quebra tabu e mantém marca contra a Dinamarca

Eurocopa: Ucrânia bate Macedônia e segue com chances

Cristiano Ronaldo é “barrado” antes de jogo da Euro; assista