Paysandu desiste de contratar Bruno César e encerra negociação com ex-Vasco, Corinthians e Palmeiras

Bruno César está livre desde junho após rescindir seu contrato com o Vasco

Wilson Pimentel
Colaborador do Torcedores.com.

Foto: Rafael Ribeiro/ Vasco

Antes de mais nada, o Paysandu encerrou as negociações com Bruno César. O Torcedores.com apurou, inclusive, que o meio-campista foi comunicado da decisão no final da noite desta terça-feira pelo presidente Maurício Ettinger.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Segundo apurou a reportagem, a negociação vinha se arrastando desde a última semana, quando Bruno César ouviu a oferta do Papão. No entanto, o estafe do jogador não aprovou a modalidade de acordo e ficou aguardando uma contraproposta do clube paraense.

Bruno César e Paysandu chegaram a intensificar as conversas no sábado e domingo. Enquanto isso, o camisa 10 avaliava uma sondagem do Casa Pia, de Portugal. Internamente, a diretoria bicolor seguiu com a postura de não cometer loucuras para contratá-lo.

O Paysandu, só para exemplificar, ofereceu R$ 40 mil por mês e incentivos durante a Série C do Campeonato Brasileiro. Conforme antecipou o Torcedores.com, a diretoria também sugeriu uma cláusula de renovação automática no caso de acesso para a Série B.

Sem o Paysandu, Bruno César agora está disponível para ouvir propostas de outros clubes. Por ora, não há equipes brasileiras interessadas no meia. De acordo com pessoas ligadas ao jogador ouvidas pela reportagem, o atleta está confiante de que voltará a atuar em breve.

Paysandu não tem plano B

Após encerrar as negociações com Bruno César, o Paysandu volta novamente ao mercado em busca de um camisa 10 para a sequência da Série C do Brasileirão. Nesta terça-feira, o clube descartou a contratação de Cícero, ex-Grêmio e Botafogo, por questões econômicas.

Campeão da Copa Libertadores da América pelo Tricolor Imortal em 2017, Cícero está inativo há 18 meses. Nesse ínterim, ele recebeu sondagens para defender o Boavista e o Brasiliense. Contudo, o meio-campista descartou abrir negociação com os dois clubes.

Afinal, o desejo do atleta era voltar a defender um clube da Série A do Campeonato Brasileiro. Em fevereiro, só para exemplificar, Cícero chegou a acertar sua transferência para o Santa Clara. No entanto, ele desistiu do acordo dois dias antes de se apresentar ao clube português.

LEIA MAIS: 

Mercado da bola: Campeão da Libertadores é oferecido ao Paysandu, mas diretoria descarta contratação 

Olimpíadas de Tóquio: Marta é 10 e Formiga é 8; veja a numeração da Seleção feminina de futebol 

Cláusula de produtividade e interesse europeu, são os entraves do Paysandu para fechar com Bruno César