Renato Gaúcho enaltece Flamengo e avisa: “Tentaremos o mesmo na quarta”

Renato Gaúcho disse que tentará repetir a mesma estratégia de imposição do Flamengo no jogo decisivo pela Libertadores contra o Defensa y Justicia

Fabrício Carvalho
Jornalista formado / Rio de Janeiro. Redator de notícias, artigos e relatos sobre futebol nacional e internacional, basquete e esportes americanos.

Crédito: Alexandre Vidal / Flamengo

Renato Gaúcho elogiou bastante o comportamento do Flamengo na goleada sobre o Bahia neste domingo (18), em vitória de 5 a 0 fora de casa pela 12ª rodada do Brasileirão 2021.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Gabigol, com três gols marcados, bateu mais um recorde na carreira e ultrapassou a quantidade de gols marcados por Bebeto na história do Brasileirão pelo Flamengo, restando ultrapassar apenas Zico. Pedro e Vitinho completaram a goleada.

Além do placar elástico, a atuação também ficou marcada positivamente para a torcida rubro-negra, que viu o Flamengo ser dominante e procurar o gol durante todo o momento, mesmo quando a vitória já estava encaminhada diante do Bahia em pleno Pituaçu.

Renato disse que tentará aplicar a mesma imposição quarta-feira (21) no jogo de volta contra o Defensa y Justicia válido pelas oitavas de final da Conmebol Libertadores, a partir das 21h30 pelo horário de Brasília. O jogo será realizado no Estádio Mané Garrincha, com presença de público.

Trechos da coletiva de Renato Gaúcho

Sobre Gabigol: “A importância dele é muito grande. Eu vou cobrar sempre dele, pela qualidade que tem, de nos ajudar em todos os jogos. Desde que cheguei ele me pergunta do DVD e ele não tá preparado pra ver o meu DVD. Se você ver logo meu DVD vai querer fazer em campo e pode se atrapalhar.”

Sobre Gustavo Henrique e Léo Pereira: “Eu gosto de conversar com jogador, saber o que tá havendo e eu passo muita confiança pra eles. Tenho corrigido eles em alguns aspectos que vinham cometendo erros. É fundamental o chefe corrigir e dar confiança aos seus jogadores.”

Sobre postura da equipe: “Cobrei deles que o segundo tempo deveria ser igual ao primeiro. Eu gosto de jogar pra frente, procuro colocar as coisas que eu gosto e aos poucos vou poder fazer isso. Quarta feira vamos tentar fazer o mesmo que fizemos hoje.”

LEIA MAIS

Gabigol faz hat-trick, bate recorde e Flamengo dá show contra o Bahia