Técnico Renato Gaúcho abre caça a X-9 no Flamengo

Treinador quer acabar com os informantes que hoje circulam no vestiário do Flamengo

Matheus D'Avila
Colaborador do Torcedores

Crédito: Flamengo / Divulgação

O técnico Renato Gaúcho está se adaptando a rotina de trabalhos no Flamengo. As primeiras medidas do treinador estão sendo colocadas em prática. E uma das prioridades é a identificação de quem está vazando informações do vestiário do clube para a imprensa.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Renato quer blindar o ambiente flamenguista, que foi exposto na reta final do comando de Rogério Ceni. O áudio vazado do ex-analista de scout da equipe, onde o profissional atacou o antigo treinador, foi um sinal para os dirigentes de que os bastidores do clube possuíam grandes ruídos. Logo, o novo comandante busca centralizar a tarefa de pacificar o Flamengo e tornar a convivência mais saudável.

Conforme as informações, Renato deixou claro para os diretores que não quer pessoas de pouca confiança no vestiário. Qualquer um que seja detectado como responsável por vazamento de notícias será afastado de perto do elenco. Para o treinador, notícias jogadas na imprensa servem apenas para tumultuar o time rubro-negro. Os torcedores flamenguistas comemoraram a medida nas redes sociais.

Procura por x-9 não é novidade

Em cinco anos no Grêmio, Renato Gaúcho por diversas vezes procurou por informantes. O treinador reclamava publicamente dos vazamentos de informações. Em 2017, chegou a declarar em entrevista a caça do X-9 do vestiário gaúcho. “Quem é vocês (imprensa) devem saber. Quem passa informações para vocês é o ‘X-9.’ Esse é o chato. Esse vai precisar de dois caixões quando morrer, um para o corpo e outro para a língua. O da língua vai ser maior até que o do corpo”, disparou o treinador na oportunidade.

LEIA MAIS: