Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Narrador perde a paciência com Tite e quer mudança urgente na Seleção: ‘Ultrapassado’

Brasil deixa a desejar, vence, mas Tite ouve novas críticas e pedidos de troca no cargo

Eder Bahúte
Jornalista e assessor de imprensa.

Crédito: Crédito: Lucas Figueiredo/CBF

A Seleção Brasileira mais uma vez não convenceu, mas conseguiu derrotar o Chile por 1 a 0, nesta quinta-feira, no Estádio Monumental David Arellano, em Santiago, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo 2022. Após a partida, Tite novamente foi alvo de muitas críticas pela atuação fraca da equipe.

Narrador da Rádio Jovem Pan, Nilson César vê Tite ultrapassado e a seleção sem nenhuma perspectiva para a Copa do Mundo. Para ele, se faz necessário urgente uma troca no comando do time.

“É difícil dizer isso, mas o Tite é um técnico parado e ultrapassado. Ele é uma ótima pessoa, que a gente gosta, mas ele parou no tempo como treinador e está ultrapassado. Ele é um técnico da época da máquina de escrever. Lamentavelmente é isso que está acontecendo com o Tite”, disse.

“Ele não é mais um treinador de futebol. Não há uma jogada ensaiada, sem perspectiva, nada, é um amontoado em campo vivendo do talento individual de cada jogador. Precisamos urgente de um treinador. Nós vamos passar vergonha com esse time no Catar, isso é evidente. Não dá para dar murro em ponta de faca e falar o contrário”, completou Nilson.

Apesar de uma noite nada inspirada, o Brasil manteve os 100% de aproveitamento na liderança das eliminatórias. A vantagem sobre a Argentina, vice-líder e próxima adversária, segue de seis pontos. Para a quinta colocada Colômbia, primeira fora do G-4, a distância é de 12. O Chile ocupa a sétima posição, com apenas seis pontos.

LEIA TAMBÉM:

Di María “exclui” Neymar e CR7 da lista dos melhores que viu em campo

Brasileirão: Fortaleza recebe sondagens por quatro jogadores

Jogador do Corinthians morre após ser espancado e esfaqueado

Dirigente do Corinthians crava data para a volta da torcida à Arena