Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Cuca minimiza desfalques no Atlético-MG: “O grupo deu prova que foi ele quem venceu hoje”

Sem Hulk, Galo derrotou de virada o Santos e dispara na liderança do Brasileirão

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Pedro Souza / Atlético

O Atlético-MG saiu atrás, mas conseguiu a reação e venceu por 3 a 1 o Santos nesta quarta-feira (13) pelo Campeonato Brasileiro, resultado este que mantém firme o Galo como líder da competição e caminhando rumo ao título.

Aniversário CLUBE EXTRA

Clique e veja as melhores promoções!

E isso sem poder contar com Hulk, que acabou sendo vetado horas antes por lesão, além de todos os outros desfalques (Guilherme Arana, Savarino, Vargas, Junior Alonso e Alan Franco) por lesão ou convocação para seleções. Algo que Cuca talvez minimize, vendo que o grupo soube superar os problemas para conseguir uma importantíssima vitória.

“Tivemos muitas baixas, já não sei de cabeça quantas são. Mas você tem que medir forças, pois o campeonato é muito duro e com desgaste muito grande. Trocamos o Diego Costa porque ele estava sentindo o jogo, ficou com a perna muito presa. E eu não quis correr o risco de perdê-lo novamente. Estamos usando o grupo e hoje foi uma prova muito grande que foi ele que venceu esta partida muito difícil”, afirmou Cuca.

Sobre o jogo, o técnico do Atlético-MG avaliou a partida como ‘tensa’, ainda mais por encarar um time que briga para não cair e saiu na frente do placar. O comandante do Galo avaliou todo o processo que levou o time  a reagir durante a etapa final para vencer e disparar na liderança.

“Hoje era um dia de um jogo muito tenso, muito nervoso, cada um com seu objetivo. O Atlético não aceitou a derrota, nos abrimos no que podíamos para dar mais agudez no ataque. As trocas foram boas, quem entrou foi muito bem e nos ajudou a vencer um jogo muito complicado, que temos que comemorar. Tivemos mais posse de bola e finalizações, mas não foi um jogo fácil”, comentou.

LEIA TAMBÉM

Conmebol pune Atlético no bolso em jogo contra o Palmeiras; veja o valor

Jornalista detona Neymar após declarações do craque sobre futuro: “Sempre foi um irresponsável”

Após ser filmado tomando banho, Gabigol ironiza exposição em Manaus

Algoritmos dizem que Vinícius Júnior, do Real Madrid, é um dos 10 melhores jogadores da atualidade

Atlético-MG ou Flamengo? Narrador diz quem tem o melhor elenco

Ex-Atlético-MG e São Paulo, Pratto revela qual clube nunca jogaria

Nacho Fernández entra e decide: confira os gols e lances de Atlético-MG x Santos

Atlético-MG vence Santos e mantém vantagem na liderança do Brasileirão

 

As melhores notícias de esportes, direto para você