Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Edílson provoca Atlético-MG: “Não vai sair barato, ‘tamo’ chegando”

Edílson Capetinha diz que o Campeonato Brasileiro ainda não está ganho e provoca Atlético-MG

Rubens Melo
Jornalista Esportivo colaborador do Torcedores.com. Paraibano, 26 anos. Apreciador de futebol - seja ele bem ou mal jogado, jogos eletrônicos e vários outros esportes.

Crédito: Reprodução

Edílson participou neste domingo (10) do programa 3º tempo, da Band. O Capetinha falou sobre os jogos que movimentaram a rodada neste fim de semana. Com Mílton Neves cravando o título do Galo no Brasileirão 2021, o ex-atacante provoca dizendo que o Flamengo ainda está na briga:

“Se você for colocar por pontos, são cinco pontos a frente do Flamengo e tem o confronto direto. Aí cairia pra dois pontos. Eu acho muito cedo pra fazer essas contas, são 14 jogos. Se o Flamengo ganhar os dois jogos que tem atrás, são cinco pontos só”, disse Edílson provocando Mílton Neves.

Em mais provocações ao apresentador do 3º tempo, o Capetinha segurava um boneco do Galo falando que o Flamengo “está chegando”:

“Tô chegando, viu galinho? Não adianta não, tá achando que você tá absoluto? O Mengão malvadão tá chegando! Tá com medo?”

O Galo tem 11 pontos de vantagem sobre o Rubro-Negro. O Flamengo, entretanto, tem dois jogos a menos em relação ao Atlético-MG por mudanças feitas devido à realização da Copa América 2021 no Brasil.

VEJA TAMBÉM: 

Edílson admite falha de Cássio, mas aponta erros de outros jogadores do Corinthians no gol do Sport

Edílson não poupa palavras, ignora o Atlético-MG e crava: “Flamengo já é o campeão do Brasileirão”

Jogador de clube carioca é encontrado morto em matagal

Saídas? Atlético-MG recebe sondagem por dois titulares de Cuca

Renato Gaúcho revela lesão de titular do Flamengo: “Não consegue nem calçar a chuteira”

Vampeta diz se Edilson “está p…” com Neto após saída de programa: “Tretaram mesmo”

Atualmente sem time, volante Ralf, ex-Corinthians, treina em clube paulista

Lucas Moura ironiza prêmio dado à mulher trans: “Quero meu prêmio de cabelo mais bonito do ano”