Home Futebol Ex-São Paulo, Lugano abre o jogo sobre aposentadoria e diz que não sente saudade do futebol: “ressuscitei”

Ex-São Paulo, Lugano abre o jogo sobre aposentadoria e diz que não sente saudade do futebol: “ressuscitei”

Ex-jogador deixou oficialmente o futebol profissional no fim de 2017

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016. Radialista na Paiquerê 91,7.

O ex-zagueiro Diego Lugano, ídolo do São Paulo e da seleção uruguaia, deixou o futebol ao fim da temporada de 2017. Em entrevista ao Flow Sport Club, Lugano falou sobre sua aposentadoria e surpreendeu. O agora ex-jogador do São Paulo disse que não sente nenhuma falta de atuar profissionalmente.

PUBLICIDADE

“Dizem que jogador de futebol morre duas vezes, quando para de jogar e quando morre mesmo. No meu caso foi diferente, eu ressuscitei. Me sinto muito mais livre, mais disposto, não sinto saudade nenhuma de jogar. Tenho uma teoria de que sou assim porque fiz tudo muito intenso. Emocionalment, fisicamente, incorporei em todo o lugar que eu estive, clube, seleção, vivo tudo com tanta intensidade que eu não tenho nada do que me arrepender.”

O ex-zagueiro começou no futebol profissional com a camisa do Nacional do Uruguai. Passou por empréstimo pelo Plaza Colonia e logo voltou ao gigante uruguaio. Lugano foi contratado pelo São Paulo em 2003 e fez história no clube. Foi campeão da Libertadores, do Mundial de Clubes e do Brasileirão. Saiu para o Fenerbahçe e ficou no clube turco até 2011, quando foi para o PSG. Deixou o clube em 2012 para defender o Málaga. Passou ainda por West Bromwich, pelo Hacken, da Suécia, e pelo Cerro Porteño, antes de voltar ao próprio São Paulo em 2016.

PUBLICIDADE

Leia também:

PUBLICIDADE

 

PUBLICIDADE
18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial