Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Monfils desiste e Djokovic avança às quartas sem jogar no Masters 1000 de Paris; veja chave

Tenista francês sentiu problemas físicos na rodada anterior e, dessa forma, optou por não entrar em quadra contra o número 1 do mundo

Álvaro Logullo Neto
24 anos, formado em Jornalismo pela Universidade de São Paulo e, desde 2021, redator de esportes no Torcedores.com. Por aqui, um pouco de tudo: tênis, basquete, NFL, Fórmula 1, esportes olímpicos e Fiorentina... digo, futebol!

Crédito: Divulgação (Reuters)

Novak Djokovic está nas quartas de final do Masters 1000 de Paris. O sérvio, que não disputava um torneio desde o US Open, no início de setembro, sequer precisou entrar em quadra para avançar na chave. Isso porque, seu adversário nas oitavas, Gael Monfils, desistiu antes mesmo do jogo começar. Atuando em sua casa, o francês de 35 anos acabou por sentir problemas físicos na rodada anterior. Monfils, inclusive, já havia confessado em entrevista, ontem (3), que talvez não fosse jogar. A ATP confirmou sua desistência na manhã desta quinta-feira.

Sendo assim, Djokovic chega às quartas em Paris sem desgaste físico. Antes, o sérvio até teve alguma dificuldade, mas bateu Márton Fucsovics, na 2ª rodada, por 2 sets a 1 (6/2, 4/6 e 6/3). Agora, Nole aguarda o vencedor do duelo entre Cameron Norrie e Taylor Fritz. Djokovic tem cinco títulos do torneio na capital francesa, conquistados em 2009, 2013, 2014, 2015 e 2019. O atual detentor do troféu, porém, é o russo Daniil Medveded.

Djokovic tem recorde bizarro contra Monfils

Amigos fora de quadra, mas com uma gigantesca freguesia dentro dela. Gael Monfils já defrontou Djokovic em 17 oportunidades, mas NUNCA venceu. Este é, portanto, um dos piores retrospectos de um tenista contra outro em todo o circuito masculino. O francês, aliás, também reiterou na coletiva de imprensa da quarta (3), que o recorde negativo seria um fator para que ele não arriscasse o agravamento de sua lesão. Se em condições adequadas já é difícil encarar o sérvio, imagine lesionado!

Os dois tenistas vetaranos se encontraram pela primeira vez no US Open de 2005. Na ocasião, Monfils fez um dos duelos mais equilibrado de todo o cartel, perdendo somente em cinco sets para Nole no grand slam de Nova Iorque. Daí em diante, porém, a feguesia só aumentou. Embora tenha 17 derrotas diante de Djokovic, o francês parece sempre realizar bons jogos — além de proporcionar um grande espetáculo, com frequência, nas quadras.

As quartas de final em Paris

  • (1) Novak Djokovic x Taylor Fritz
  • James Duckworth x Hubert Hurkacz (7)
  • (6) Casper Ruud x Alexander Zverev (4)
  • Hugo Gaston x Daniil Medvedev (2)

LEIA MAIS:

Djokovic já garante mais um recorde absoluto do tênis em 2021; veja

Djokovic pode jogar o Australian Open, mas terá de fazer quarentena, diz e-mail vazado

Federer confirma inscrição e anima fãs sobre próxima temporada

100 dias para as Olimpíadas de Inverno: Saiba em quais modalidades o Brasil já está garantido

Atlético-MG: Cuca perde titular importante para o clássico com o América

Mercado da bola: Volante sai de clube da Série B e volta ao Palmeiras

Libertadores Feminina, Brasileirão e mais: veja os jogos desta quinta(4)

Neto acusa Gabigol de humilhar técnico, Renata Fan critica Globo e PVC ironiza Diego Souza: destaques da imprensa