São Paulo terá QUATRO desfalques contra o Racing; veja as ausências

Pressionado, São Paulo busca classificação na Libertadores diante do Racing; veja as ausências

Eder Bahúte
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Diculgacao/SPFC

Nesta terça, o São Paulo enfrenta o Racing, às 21h30 (de Brasília) no estádio El Cilindro, em Avellaneda, Argentina, pelas oitavas de final da Libertadores da América. Para esta partida, o time paulista segue com dificuldades com atletas lesionados.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

No ataque, o técnico Hernán Crespo terá dois problemas: Eder, que sofreu um estiramento na coxa no jogo de ida, no Morumbi, e Luciano, que ainda trata de um estiramento no músculo posterior da coxa esquerda. No meio, Willian está fora por conta de um trauma no joelho.

Além deles, o lateral-direito Daniel Alves, que está com a Seleção Olímpica nos Jogos de Tóquio. Por outro lado, Bruno Alves está de volta após cumprir suspensão. Miranda e Rigoni, recuperados de lesões musculares estão entre os relacionados. A tendência é que estes dois últimos iniciem entre os titulares.

Como ficou no 1 a 1 na ida, no Morumbi, o São Paulo precisa vencer o Racing para seguir vivo na competição. Um empate sem gols classifica os argentinos.

A provável escalação do São Paulo contra o Racing é a seguinte: Tiago Volpi, Miranda (Bruno Alves), Arboleda e Léo; Igor Vinícius, Luan, Rodrigo Nestor, Igor Gomes e Wellington; Rigoni (Gabriel Sara) e Pablo.

Ficha técnica Racing x São Paulo

Local: Estádio El Cilindro, Buenos Aires (ARG)
Data e horário: 20 de julho de 2021, às 21h30
Árbitro: Gustavo Tejera (URU)
Assistentes: Eduardo Cardozo (PAR) e Milciades Saldivar (PAR)
VAR: Eber Aquino (PAR)
Onde acompanhar: SBT, Fox Sports e Tempo Real e em áudio na parceria LANCE!/Voz do Esporte.

Racing
​Arias; Mena, Sigali, Orbán e Schelotto; Martínez, Miranda e Piatti; Chancalay, Copetti e Cvitanich.
Técnico: Juan Antonio Pizzi

São Paulo
Volpi, Miranda (Bruno Alves), Arboleda e Léo; Igor Vinícius, Luan, Rodrigo Nestor, Igor Gomes (Benítez) e Wellington; Rigoni (Gabriel Sara) e Pablo.
Técnico: Hernán Crespo