Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Organizada do São Paulo detona elenco e estabelece “condição” para Ceni retornar ao clube

Crespo deixou o São Paulo e a diretoria busca um substituto para o cargo de técnico

Bruno Romão
24 anos, jornalista formado pela Universidade Estadual da Paraíba, amante da escrita, natural de Campina Grande e um completo apaixonado por futebol. Contato: bruno.romao.nascimento@gmail.com

Crédito: Juan Mabromata - Pool/Getty Images

Em nota oficial, a Torcida Independente, organizada do São Paulo, se manifestou sobre a saída de Crespo. Apesar do time viver um momento de pressão na temporada, avaliou-se que a decisão de desligar o argentino foi “a pior possível”. Sendo assim, o elenco do clube foi detonado, com os jogadores chamados de “vagabundos” e descritos como o pior da história do Tricolor.

Aniversário CLUBE EXTRA

Clique e veja as melhores promoções!

“(Crespo) foi culpado por alguns, que não conhecem os bastidores e não entenderam que o time não corria mais. De novo. Sem contar o DM que não presta, junto da máfia intocável da Barra Funda. É fácil culpar os gringos! Bando de vagabundos, o pior grupo da história do São Paulo FC. De experientes a base. Salvo raras exceções que valorizamos”, afirmou a torcida organizada.

Como Rogério Ceni é o principal nome especulado para assumir o São Paulo, a Independente cobrou que o treinador tenha uma conversa antes de selar sua volta e também peça desculpas. Isso porque o ex-goleiro, no momento em que esteve no Flamengo, exaltou a torcida rubro-negra, situação que ainda não foi esquecida.

“Volta Rogério Ceni? Primeira coisa, se acontecer: queremos declaração pública de “desculpa”, quando diminuiu nossa torcida diante dos cariocas. Não adiantou puxar o saco, “M1to”? Agora volta o “ídolo”? Ídolo foi o jogador. O técnico ainda é zero história e deve pedido de perdão. E poucas, se chegar, só assume se conversar com a torcida antes”, completou a nota.

Veja abaixo o comunicado completo divulgado pela torcida.

“Crespo caiu.

A pior decisão possível.

O mesmo grupo que entregou um Brasileiro, agora derruba um técnico estrangeiro, cheio de boas intenções e preparadores com o que existe de melhor, em graduação mundial. Era a única vanguarda que existia no time.

Era.

Foi culpado por alguns, que não conhecem os bastidores e não entenderam que o time não corria mais. De novo. Sem contar o DM que não presta, junto da máfia intocável da Barra Funda.

É fácil culpar os gringos!

Bando de vagabundos, o pior grupo da história do São Paulo FC. De experientes a base.

Salvo raras exceções que valorizamos.

O negócio agora é o seguinte.

Volta Rogério Ceni?

Primeira coisa, se acontecer: queremos declaração pública de “desculpa”, quando diminuiu nossa torcida diante dos cariocas. Não adiantou puxar o saco, “M1to”?

Agora volta o “ídolo”? Ídolo foi o jogador. O técnico ainda é zero história e deve pedido de perdão.

E poucas, se chegar, só assume se conversar com a torcida antes.

Belmonte é medíocre! Diretorzinho patético. Ou a torcida tem acesso ao diálogo com a diretoria e o elenco paneleiro, ou a cabeça do diretor vai ser pedida, em cada jogo.

Casares? Assume quando a crise do São Paulo?

Vergonha!”

LEIA TAMBÉM

São Paulo: Crespo teve aproveitamento inferior ao do antecessor Fernando Diniz

Série A chega a 34 mudanças de técnico em 2021 após saída de Crespo; veja lista

Crespo demitido: internautas projetam Rogério Ceni no lugar do argentino

Confira os números de Crespo no comando do São Paulo

Atlético-MG recebe punição da Conmebol em jogo contra o Palmeiras; confira

Jornalista detona Neymar após declarações do craque: “Sempre foi um irresponsável”

Trio perde espaço e pode deixar o São Paulo em 2022; veja nomes

Luiz Adriano quer trocar o Palmeiras por outro time da Série A em 2022

As melhores notícias de esportes, direto para você