Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Zinho revela treta com programa da Globo por piada na Copa do Mundo

Ex-meia ganhou apelido pejorativo mesmo com o título da Copa do Mundo

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016, radialista na Paiquerê 91,7.

Crédito: Zinho na Copa de 1994 (Shaun Botterill/ALLSPORT/Getty Images)

O ex-meia Zinho foi alvo de uma piada na Copa do Mundo de 1994 e revelou, em entrevista ao Flow Sport Club, que não gostou nada disso. O ídolo do Palmeiras disse que se chateou com o sofrimento que o apelido “enceradeira”, dado pelo programa da TV Globo, Casseta e Planeta, provocou em sua família.

O ex-atleta abriu o jogo e disse que toda sua família sofreu no Brasil com a piada do programa da Globo enquanto ele disputava o Mundial nos Estados Unidos.

“Eu fiquei puto com o Casseta e Planeta, aí eu fiquei. Lá (nos Estados Unidos), eu nem sabia. Era a vantagem da época, não tinha celular, internet, não via p**** nenhuma. Eu estava representando meu país, não estava nemaí. Era um programa humorística… Mas quando eu cheguei no Brasil e vi que meu pai sofreu, minha irmã, minha mulher, minha família sofreram, que a brincadeira era denegrindo minha imagem, aí tu fica chateado. Se é contigo cara, tu limpa, levanta e vai para a porrada, no sentido de trabalhar e tal, mas quando mexe com a família…”, disse Zinho, que seguiu.

“Brincadeira é comédia, o humor eu acho legal quando todo mundo ri, se alguém chora já não é humor. Aquela brincadeira do Rubinho, todo mundo rindo, o cara lá se dedicando, passa por várias coisas, mas chega atrasado, vira meme. Acha que os filhos dele não sofrer com isso? Você gosta de rir da desgraça dos outros? E se fosse com você? Agora usar um programa, os caras estão representando o país. Com os caras eu fiquei p***, mas o tempo vai passando. Não é bom guardar mágoa. Depois encontrei, falei numa boa. Fui grosseiro só uma vez com o falecido Bussunda. Mas fiquei mais chateado com o sofrimento da minha família.”

Leia também:

As melhores notícias de esportes, direto para você