Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Lesão de Neymar, limpa no Flamengo, Libertadores, morte de ex-São Paulo, jogador preso e mais: notícias do futebol em novembro

Torcedores.com traz todas as notícias que agitaram home page durante o penúltimo mês do ano

Cido Vieira
Jornalista graduado. Redator do Torcedores.com desde 2017. Repórter na rádio Provisão FM Caruaru.

Crédito: Montagem - Fotos: Alexander Hassenstein/Getty Images - Conmebol/Divulgação - Alexandre Vidal/Flamengo

A temporada do futebol brasileiro está próxima do seu término. Ao longo do mês de novembro, diversos desdobramentos ocorreram no esporte bretão, em caráter decisivo. Além da decisão da Libertadores entre Palmeiras e Flamengo, amplamente aguardada e vencida pelo Verdão, o Galo deu passos largos à conquista do Brasileirão, além de vários fatos extra-campo. Confira a tradicional “retrospectiva” mensal.

O atacante Neymar protagonizou um lance forte no último domingo (28) no futebol francês. Em uma disputa de bola com um jogador do Saint-Étienne, o brasileiro prendeu o tornozelo no gramado e sofreu um grave entorse. Logo após o lance feio, o craque do PSG deixou o campo de jogo chorando, e foi amparado por companheiros. Exames realizados constataram uma entorse, e o craque ficará fora dos gramados entre seis a oito semanas, retornando assim somente em 2022.

Em entrevista ao portal “Infobae”, a cubana Mavys Álvarez, antiga namorada de Diego Maradona, trouxe à tona fortes acusações contra o ídolo do futebol mundial, dizendo ter sido molestada pelo “Pibe”, quando tinha 17 anos de idade, e se relacionava com o jogador.

“Maradona tapou minha boca para eu não gritar, para eu não dizer uma palavra enquanto me estuprava. A minha mãe veio me ver naquele dia na casa onde estávamos em Havana (Cuba) e o Diego não queria abrir a porta do quarto”, contou.

Um dos maiores craques do futebol mundial na atualidade e nos últimos anos, o argentino Lionel Messi faturou pela sétima vez a Bola de Ouro, honraria concedida pela revista France Football ao melhor atleta do continente europeu. Figura cativa na disputa da premiação, o atacante do PSG desbancou nomes como Jorginho, Cristiano Ronaldo, Mbappé, Lewandoswki, entre outros.

Depois de quatro meses no comando técnico do Flamengo, Renato Gaúcho teve demissão oficializada nesta segunda-feira (29). Já pressionado antes mesmo da finalíssima da Libertadores, o treinador não suportou o cenário de turbulência vivenciado, e teve rescisão de vínculo antecipada. Além dele, Alexandre Mendes, Marcelo Salles, o Fera, também foram desligados.

Em termos de plantel, segundo o jornal “A Bola”, o zagueiro Bruno Viana não deve continuar no time da Gávea. O jogador está cedido por empréstimo junto ao Braga, e o Flamengo não irá desembolsar cifras milionárias para ficar com ele em definitivo. Ainda segundo o periódico, o defensor pode continuar atuando no futebol brasileiro, uma vez que outros clubes se mostram interessados em negociar.

O futebol brasileiro recebeu uma triste notícia no último dia 23. Com passagens pela base de grandes clubes do cenário nacional, o volante Riuler, de apenas 23 anos, morreu após ser vítima de um ataque cardíaco. O jovem atleta estava no Japão, onde atuava desde 2019 e acabou não resistindo ao problema cardiovascular. No futebol brasileiro, ele acumulou passagens por São PauloInternacional, Coritiba, Athletico e Internacional, todas nas categorias de base.

Convidado do podcast “Podpah”, o ex-jogador Cafu revelou algumas histórias de sua carreira no futebol. Entre os assuntos abordados, o pentacampeão disse que sempre teve o sonho de atuar com as cores do Real Madrid, e que por muito pouco não conseguiu traduzir o desejo em realidade, mas o São Paulo não o liberou na época.

“Eu quase fui para o Real Madrid um pouco antes do Mundial (de Clubes), mas o São Paulo não me liberou, aí mandaram o Vitor (outro lateral-direito do elenco). Não fui, fui campeão mundial… Mas na época o Real Madrid era o time dos sonhos de todo mundo, assim como era o Milan na Itália”, disse o ídolo do futebol nacional.

Tricampeão da Libertadores, o Palmeiras alcançou um feito inédito entre brasileiros e igualou o Boca Juniors no futebol sul-americano após bater o Flamengo no último sábado (27), em Montevidéu. Com a conquista em solo uruguaio, o Verdão reeditou o feito do bicampeonato consecutivo, somente atingido pelo Xeneizes, nas temporadas 2000 e 2001, onde justamente foi superado pelos hermanos na final e semifinal, respectivamente.

Com passagens pelo futebol alagoano, tendo vestido as cores de CRB e CSA, o jogador Da Silva, de 38 anos, foi espancado por populares e preso após uma tentativa de assalto. O atleta abordou uma mulher em uma parada de ônibus e acabou sendo contido por populares, que o espancaram. Refugiado em supermercado, local que correu para fugir das agressões, ele foi preso em flagrante e conduzido para o 19º Batalhão de Polícia Militar de Fortaleza.

LEIA TAMBÉM: 

Gustavo Gómez, do Palmeiras, é alvo de gigante sul-americano para 2022

Mundial de Clubes FIFA 2021: Sorteio define tabela da competição

FIFA anuncia os indicados ao Prêmio Púskas 2022: veja todos os gols

10 jogadores da Série B que seriam bons reforços na Série A