Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Edenílson por Savarino? Atlético-MG responde possível troca com Inter

Atlético quer Edenílson para 2022, mas Internacional promete fazer jogo duro

Eder Bahúte
Jornalista e assessor de imprensa.

Crédito: Divulgacao/Internacional e Atlético

O futuro de Edenílson é ainda uma das grandes incógnitas neste mercado da bola. Desejado pelo Atlético, o meio-campista teria também a vontade de vestir a camisa do Galo, mas o Internacional não fará qualquer negócio para liberara o seu principal jogador.

Nos últimos dias, o Atlético teria feito uma proposta de 2 milhões de dólares, prontamente recusada pelo Colorado. Nesta segunda, foi uma especulada uma eventual troca envolvendo Edenílson e Savarino. Rodrigo Caetano, diretor de futebol do Galo respondeu sobre a possibilidade.

“Não sei da onde que tiraram isso. Zero de chance”, garantiu Caetano em entrevista ao Revista Colorada.

Na última temporada, Edenílson marcou 15 gols e nove assistências em 54 jogos. Além disso, foi lembrado pelo técnico Tite, da Seleção Brasileira, sendo convocado para algumas partidas da Eliminatórias da Copa do Mundo.

Além de Edenílson, o Atlético chegou a fazer uma sondagem por Éderson, que foi destaque no Fortaleza e pertence ao Corinthians. Contudo, não passou de uma consulta.

Até o momento, o Atlético possui quatro contratações para 2022. O primeiro foi o atacante Ademir, destaque do América no último Campeonato Brasileiro. Ele tinha um pré-contrato assinado com o Galo e já foi anunciado nas redes sociais.

Ainda no setor, Fábio Gomes, centroavante de 24 anos. Os direitos econômicos do jogador pertenciam ao Oeste-SP. Pelo clube do interior paulista, Fábio Gomes foi a grande revelação da Série B de 2019, competição da qual foi o vice-artilheiro, com 15 gols. O atleta já realizou exames médicos e assinará contrato até 31 de dezembro de 2025.

O volante Otávio, ex-Athletico Paranaense e que estava no Bordeaux, da França. Além do zagueiro Diego Godín. Retornam de empréstimo o zagueiro Vitor Mendes e o meia Guilherme Castilho.

LEIA TAMBÉM: