Gabigol é criticado por Caio Ribeiro e chamado de “criança” por Casagrande

Comentaristas da TV Globo exigem posicionamento do Flamengo após Gabigol ser flagrado em cassino clandestino durante a pandemia da Covid-19

Rafael Brayan
Estudante de jornalismo. Colaborador especialista e editor-plantonista do Torcedores.

Crédito: Reprodução

O atacante Gabigol segue criticado por conta de ser flagrado pela polícia em um cassino clandestino no último final de semana. Retornando aos treinos do Flamengo nesta segunda-feira (15), o jogador rubro-negra precisa ser punido pelo clube rubro-negro, de acordo com o comentarista Caio Ribeiro.

+  Mauro Beting detona Casagrande por briga com Caio: “Pegou muito pesado” 

“Claro que o Gabigol errou. Ele sabe que errou. Eu acho que ele tem que ser punido, porque ele representa uma instituição maior que ele. Respinga na imagem do Flamengo. Acho que o Flamengo vai se posicionar, só deve estar esperando para conversar com ele antes”, disse Caio, que ressaltou:

“Acho também que não é motivo para rescisão de contrato. Acho que o jogador entende melhor os erros quando paga uma multa, quando sente no bolso. Talvez o caminho da percepção para você não cometer esse erro novamente seja mais fácil e rápido”, afirmou durante o “Bem, Amigos!”.

Presente também no programa, Casagrande criticou o jeito que os atletas são tratados no Brasil, comparando com crianças. “Às vezes, (o jogador) é tratado como criança. Não é que estava acima do bem e do mal. Às vezes, você não sabe se o cara faz porque é considerado, ou se considera, um super jogador, que pode fazer o que quiser”, comentou.

“Quando o clube não pune e passa a mão na cabeça, não é pela superioridade por ser um ídolo, é porque trata infantilmente. Esse negócio de paternalismo, o futebol é. O jogador não faz check-in, chega no hotel e está tudo na mão. (…) O jogador tinha que ter uma posição mais adulta, mais madura”, concluiu Casagrande. 

VEJA TAMBÉM:

Mercado da bola: 7 estrelas do Brasil que podem se transferir para o exterior

Muricy fala sobre discussão com policial na praia: “Queriam só fazer graça comigo”

Governador de SP, João Dória detona o atacante Gabigol: “Que vergonha”

Neto detona Gabigol e exige punição do Flamengo: “Deveria sair algemado”