Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Crystal Palace domina Tottenham e vence com dois gols de estreante

Crystal Palace se aproveitou bem da situação do adversário e dominou amplamente o Tottenham em jogo com dois gols do estreante Édouard

Fabrício Carvalho
Jornalista formado / Rio de Janeiro. Redator de notícias, artigos e relatos sobre futebol nacional e internacional, basquete e esportes americanos.

Crédito: Reprodução

Crystal Palace Crystal Palace 3-0 Tottenham Tottenham
Premier League - 4ª Rodada

O Crystal Palace conquistou uma grande vitória neste sábado (11) ao bater o Tottenham por 3 a 0 no Selhust Park, em jogo válido pela 4ª rodada da Premier League.

Desfalcado de seus principais jogadores e com a lesão de Eric Dier no início do jogo, o Tottenham acabou sendo dominado completamente pelo Crystal Palace. No primeiro tempo, os Spurs não finalizaram em nenhum momento e tiveram posse abaixo de 40%.

Aumentando a intensidade no segundo tempo, o Palace colecionou chances de marcar gol. Mas a movimentação no placar ocorreu depois que Zaha cobrou pênalti e venceu o goleiro Lloris.

No final do jogo, Édouard saiu do banco e definiu o placar final nos seus primeiros segundos com a camisa do Palace. Para fechar a grande vitória, marcou no final do jogo ao receber passe na medida e foi às redes.

O próximo compromisso do Crystal Palace será contra o Liverpool (18/09, 11h), enquanto o Tottenham terá pela frente o clássico o Chelsea (19/09, 12h30). Antes, os Spurs jogam no meio de semana para enfrentar o Rennes pela UEFA Conference League (16/09, 13h45).

 

Primeiro tempo

O Tottenham entrou em campo com desfalques de peso. Son Heung-Min e Steven Bergwijn se lesionaram durante a última Data FIFA, enquanto Davinson Sanchez está cumprindo quarentena obrigatória. Lucas Moura, Emerson e Winks foram os titulares substitutos.

Lucas começou muito bem o jogo e conseguiu um passe brilhante nas costas de quatro marcadores aos 4′, mas não conseguiu ter condições de concluir antes de ser desarmado.

No entanto, o início animador do Tottenham acabou quando Eric Dier colidiu com Ayew e teve que deixar o campo lesionado. Depois desse momento, Nuno Espírito Santo resolveu fechar os espaços durante todo o tempo.

A primeira chance do Palace surgiu aos 21′ com Gallagher cobrando falta de fora da área, em bola que passou por cima do gol. Depois, o Palace tentou aumentar a pressão, mas não conseguia finalizar no alvo.

Em outra rara boa jogada, aos 32′, Gallagher e Ayew fizeram uma boa tabelinha pelo lado direito mas Rodon acabou não aproveitando bem a conclusão e chutou para fora.

Apenas no final do primeiro tempo que o Palace teve uma chance considerável de abrir o placar. Zaha desceu pelo lado esquerdo, passou fácil por Emerson e jogou na grande área. Gallagher chegou e chutou, parando em grande defesa de Lloris.

 

Segundo tempo

Tentando sufocar mais ainda, o Palace quase abriu o placar aos 5′. Gallagher surgiu no meio da área e acertou um voleio que parou em Reguilon antes de desviar em Rodon.

A situação dos visitantes ficaria ainda mais delicada depois que Tanganga foi expulso aos 13′ do segundo tempo, tomando o segundo cartão amarelo com intervalo menor que cinco minutos entre os cartões.

Com maior pressão do Palace, o trabalho feito por Alli aos 21′ foi fundamental para bloquear o chute de Ayew na grande área, em mais um voleio, salvando o Tottenham do gol.

Outro jogador que apareceu bem para salvar os Spurs no lance seguinte foi Reguilon. Mitchell desceu pela ala esquerda e cruzou, mas a bola pegou um efeito e passou por Lloris, restando à Reguilon tirar o perigo.

Apesar de controlar totalmente as ações do jogo, a melhor chance do Crystal Palace surgiu na cobrança de pênalti. Aos 30′, Gallagher tentou cruzar pelo lado direito mas a bola desviou em Ben Davies. O árbitro assinalou o penal e Zaha cobrou firme para abrir o placar.

Aos 41′, a vitória do Crystal Palace foi definida. Poucos segundos depois de sair do banco, Edouard recebeu na medida de Zaha pelo lado esquerdo e conseguiu vencer o goleiro Lloris com facilidade.

Para fechar a vitória nos acréscimos, uma grande jogada. Olise achou Davies descendo pela direita e cruzou para dentro achanco Gallagher, que deixou Edouard na cara do gol com liberdade para vencer Lloris e fechar a goleada em 3 a 0.

 

FICHA TÉCNICA
CRYSTAL PALACE 3-0 TOTTENHAM

Data: 11/09/2021, 08:30
Estádio: Selhurst Park
Árbitro: Jonathan Moss

Gols: 2T 31′ Zaha (Crystal Palace); 2T 39′ Edouard (Crystal Palace); 2T 48′ Edouard (Crystal Palace)

Substituições – Palace: Milivojevic (Kouyaté); Édouard (Benteke); Olise (Ayew)

Substituições – Tottenham: Joe Rodon (E.Dier); Ben Davies (Winks)

Crystal Palace (4-3-3): Vicente Guaita; Joel Ward, Joachim Andersen, Marc Guehi, Tyrick Mitchell; Conor Gallagher, Cheikhou Kouyate, James McArthur; Wilfried Zaha, Christian Benteke, Jordan Ayew. Técnico: Patrick Vieira

Tottenham (4-3-3): Hugo Lloris; Emerson, Japhet Tanganga, Eric Dier, Sergio Reguilon; Pierre-Emile Hojbjerg, Oliver Skipp, Harry Winks; Lucas Moura, Harry Kane, Dele Alli. Técnio: Nuno Espírito Santo

LEIA TAMBÉM

FIFA libera e brasileiros poderão jogar rodada da Premier League

Quantos jogos Daniel Alves fez no Brasileirão pelo São Paulo? Ele pode ser negociado com times brasileiros?

Especulado por gigantes brasileiros, Cavani é visto como possível problema no United

Neto aponta dois clubes brasileiros em que Felipe Melo poderia dar certo: “Não é mais importante ao Palmeiras”

Ex-repórter da Globo revela treta com Muricy: “Quase fui demitido”

Galvão critica Neymar e faz comparação com Messi: “Apanha tanto quanto ele”

Que pontaria! Brasileirão tem time com 10 gols de fora da área no 1º turno

Casagrande critica Neymar: “Não é esse jogador que precisamos para a Copa”