Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Jogar no Flamengo? Veja o que já respondeu Daniel Alves

Em 2020, Daniel Alves respondeu sobre especulações que envolviam seu nome ao Flamengo

Eder Bahúte
Jornalista e assessor de imprensa.

Crédito: Reproducao/Instagram

Após uma saída polêmica do São Paulo, Daniel Alves agora está livre no mercado da bola. No Brasil, por exemplo, como fez apenas seis jogos no Campeonato Brasileiro, o lateral-direito pode assinar com qualquer outra equipe. Nas últimas horas, foi inevitável não associar o nome do jogador ao Flamengo, tido como um dos clubes mais poderosos financeiramente no país.

Oficialmente não há nada que indique a contratação de Daniel Alves pelo Flamengo. Esta possibilidade, inclusive, já foi tema de uma entrevista coletiva do atleta em agosto do ano passado. Na ocasião, o lateral foi questionado sobre a chance de vestir a camisa rubro-negra.

Os rumores surgiram após o Tricolor cair nas fases finais do Campeonato Paulista para o Mirassol.

– Uma coisa que quero deixar claro para nunca mais ter esse debate: único clube que eu jogo no Brasil é o São Paulo. Se sair qualquer coisa de outro clube, pode falar que é mentira – disse o jogador à época.

– Que fique claro: único clube é o São Paulo. É meu sonho de criança. Não jogo em outro clube que não for o São Paulo no Brasil. Aqui no Brasil estou por um sonho, não por parte financeira, dinheiro.

Encerrar no Bahia?

Na mesma entrevista, Daniel Alves ressaltou que desistiu de pendurar as chuteiras com a camisa do time baiano.

– Falei brincando que encerraria no Bahia, mas a torcida me rechaçou. Acabou o seguinte clube que jogaria. Fui rechaçado, falei dois meses e para eles não serve.

Com o mercado europeu encerrado, Daniel Alves teria hoje como possíveis destinos o México, Catar, Emirados Árabes, Arábia Saudita e Argentina.

Contratado em 2019, Daniel Alves tinha um salário de R$ 1,5 milhão mensais. Com a camisa do São Paulo, foram 95 partidas e 10 gols.

LEIA TAMBÉM:

Clube faz contato e monitora situação de goleiro da Série A

CBF se diz “surpresa” com ação da Anvisa e critica entidade sanitária

Banco planeja injetar bolada no Fla, mas pede algo importante em troca