Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Alonso cita vantagem curiosa de ser o mais velho da Fórmula 1 em 2022

Piloto espanhol da Alpine tem 40 anos de idade e, em 2022, vai participar da 18ª temporada da F1 em sua carreira

Álvaro Logullo Neto
24 anos, formado em Jornalismo pela Universidade de São Paulo e, desde 2021, redator de esportes no Torcedores.com. Por aqui, um pouco de tudo: tênis, basquete, NFL, Fórmula 1, esportes olímpicos e Fiorentina... digo, futebol!

Crédito: Reprodução / Instagram: @fernandoalo_oficial

Mais velho do grid da F1 em 2022, com 40 anos, Fernando Alonso revelou como sua experiência pode gerar uma vantagem ‘curiosa’ na próxima temporada, se comparado aos demais pilotos da categoria.

Em entrevista ao Motorsport.com, o espanhol explicou: “Quando chego a um circuito, conheço as pistas. Agora, todo mundo está testando este novo pneu de 18 polegadas, mas eu já o conheço muito bem do WEC [Campeonato Mundial de Endurance da FIA]”.

Alonso se refere às temporadas de 2019 e 2020, quando fez uma pausa na Fórmula 1. Neste período, o veterano correu no WEC pela equipe Toyota e, portanto, já está mais habituado com pneus diferentes. Vale lembrar que a F1 alterou o tamanho dos componentes para esta temporada — de 13 para 18 polegadas.

Fernando Alonso revela ‘luxo’ que teve durante a carreira no automobilismo

Ou seja, ter tido a oportunidade de estender sua carreira e experimentar outros desafios pode ser uma vantagem para Alonso nesta temporada, segundo o próprio piloto: “Todas as coisas que estou enfrentando, para outras pessoas será pela primeira vez, mas para mim é uma segunda ou terceira vez”, complementa o piloto.

Alonso em 2022 na F1

Fernando Alonso tem contrato de mais um ano com a Alpine (antiga Renault), equipe para a qual chegou no início da última temporada. Embora veja vantagens em ser um corredor experiente, o espanhol faz questão de dizer que ‘nem tudo são flores’ e aponta uma dificuldade geradas pela idade avançada:

“O único problema de ser mais velho é que você tem que ter motivação para entrar em uma temporada de, praticamente, 300 dias. Tem que ter vontade, um estilo de vida que te permite se dedicar a esse esporte”.

Vale lembrar, aliás, que a Fórmula 1 estendeu seu calendário para a temporada de 2022. Serão, portanto, 23 corridas ao todo, um recorde na história da categoria.

Por fim, o bicampeão da F1 em 2005 e 2006 ainda aponta uma vantagem de correr nesta geração:“Fisicamente, acho que os carros de hoje não são muito exigentes. Acho que 2004 ou 2005, talvez a idade teria sido uma limitação”, revela Alonso.

LEIA MAIS:

Climão? Novo companheiro de Hamilton na F1 ‘defende’ Verstappen em polêmica

Verstappen ‘teria problemas’ se fosse para a Mercedes, diz piloto da F1

Fórmula 1: Toto Wolff surpreende com declaração sobre Verstappen

Vettel volta a detonar FIA: “O tempo parece ter parado na Fórmula 1”

Fred planeja voltar ao Brasil e prioriza dois clubes da Série A; veja quais

São Paulo registra mais dois casos positivos para Covid-19 no elenco

Rayssa Leal brilha e é campeã do STU Criciúma; Pâmela Rosa fica em 2º

Real Madrid mira em Antony para formar “dupla ousada” com Vinícius Jr.