Torcedores – Notícias Esportivas

Guardiola, Tuchel e Mancini são finalistas do prêmio The Best de melhor treinador da temporada

Cerimônia da Fifa acontece em 17 de janeiro; Lluís Cortés, Emma Hayes e Sarina Wiegman são finalistas do futebol feminino

Paulo Foles
Jornalista, amante da escrita e apaixonado por esportes. Falo sobre futebol internacional, nacional e esportes americanos, principalmente NFL e NBA. Santista e apreciador do bom futebol. Twitter: @PaulFoles

A Fifa anunciou nesta quinta-feira (6) os treinadores finalistas ao prêmio The Best da temporada de 2021 do futebol masculino e feminino. Pep Guardiola, do Manchester City, Thomas Tuchel, do Chelsea, e Roberto Mancini, da seleção italiana, estão na final pela taça individual. A cerimônia acontece no dia 17 de janeiro.

No futebol feminino os finalistas são: Lluís Cortés (Barcelona), Emma Hayes (Chelsea) e Sarina Wiegman (seleção da Inglaterra). A eleição é feita através de um júri internacional composto pelos treinadores e capitães de todas as seleções masculinas e femininas do futebol mundial, além de um jornalista especializado representando cada nação e votação popular no site da Fifa.

Guardiola fez grande temporada no Manchester City ao conquistar a Premier League, Copa da Liga Inglesa e chegar à primeira decisão de Champions League da história do clube. Tuchel foi contratado pelo Chelsea no meio da temporada e em pouco tempo levou os londrinos ao principal troféu de clubes da Europa. Já Mancini venceu a Eurocopa com a Itália.

LEIA TAMBÉM

Paulo Sousa faz primeiro pedido à diretoria do Flamengo e é atendido

Pep Guardiola e mais 20 pessoas testam positivo para Covid no Manchester City

Jornalista aponta futuro de Gabigol no Flamengo: “está na cara que não vai acontecer isso”

Técnico do Flamengo, Paulo Sousa surpreende e rasga elogios a Abel Ferreira

Cruzeiro: Novo técnico não tem dúvidas: ‘Somos os maiores da 2ª divisão’

Atlético-MG exigiu cláusula anti-rivais para negociar Junior Alonso com o Krasnodar; saiba os clubes “negativados”

Guardiola ataca calendário da Premier League e apoia greve após aumento dos casos de covid-19