Torcedores – Notícias Esportivas

Jornalista coloca dois técnicos acima de Jorge Jesus para o comando do Atlético-MG e explica motivo

Galo segue sem treinador desde a saída de Cuca e Jorge Jesus foi o primeiro nome a ser buscado pelo clube

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016. Radialista na Paiquerê 91,7.

Crédito: Alexandre Vidal - Divulgação - Flamengo

A busca do Atlético-MG por um treinador para a temporada de 2022 tem se tornado uma novela, já que Jorge Jesus tem demorado a se pronunciar, Carlos Carvalhal tem contrato com o Braga, e outros nomes não tem sido colocados à mesa.

Em participação no programa G4, do BandSports, o jornalista Arnaldo Ribeiro comentou a atual procura do Atlético-MG por um treinador. O profissional acabou questionado sobre três nomes para o cargo e se posicionou. Os nomes em questão foram o do próprio Jorge Jesus, o de Eduardo Coudet, ex-Internacional, e o de Hernán Crespo, ex-São Paulo. O comentarista, então, se posicionou sobre todos eles e não ficou em cima do muro.

“Qualquer um dos dois, menos o Jesus. São mais jovens, têm mais apetite, conhecem bem o futebol brasileiro também”, disse Arnaldo Ribeiro ao ser questionado. O jornalista seguiu:

“Tiveram experiências frutíferas, mas tem uma grande diferença: o (Eduardo) Coudet está empregado e o (Hernán) Crespo está disponível. Tirar o Coudet do Celta agora, eu não sei não… Mas eu entendo que são casos que já tem experiência no futebol brasileiro, não são apostas, são mais viáveis do que os portugueses, (Carlos) Carvalhal, não sei o que lá.”

Leia também: